Publicidade

Vereadores da região de Picos aumentam os próprios salários

A partir de 1º de janeiro de 2017 os legisladores de Monsenhor Hipólito, Alegrete do Piauí e Geminiano terão subsídios maiores do que o valor percebido atualmente

Por José Maria Barros 
Legislando em causa própria os vereadores de três municípios da região de Picos aprovaram projetos aumentando os próprios salários. A partir de 1º de janeiro de 2017 os legisladores de Monsenhor Hipólito, Alegrete do Piauí e Geminiano terão subsídios maiores do que o valor percebido atualmente.
 
Das três, a primeira Câmara a aumentar o subsídio dos vereadores foi a de Monsenhor Hipólito, município pobre situado no semiárido piauiense. Em sessão realizada dia 9 de setembro, os vereadores aprovaram, por unanimidade, projeto de lei de autoria da mesa diretora fixando o salário dos parlamentares em 3 mil e 800 reais mensais. Já o presidente receberá por mês 4 mil e 100 reais.
Cópia do projeto de lei aprovado pela Câmara de Geminiano

Cópia do projeto de lei aprovado pela Câmara de Geminiano

 
 
No artigo 8º da lei, fica assegurada a revisão anual nos subsídios dos vereadores no mesmo índice fixado para os servidores da Câmara Municipal de Monsenhor Hipólito.
 
[sociallocker id=138866][/sociallocker]
 
Já no dia 21 de setembro, a Câmara Municipal de Geminiano aprovou, também por unanimidade, projeto de lei da mesa diretora fixando o salário dos vereadores em 4 mil e 800 reais. O presidente da casa passará a receber 6 mil 440 reais mensais.
 
O projeto de lei foi assinado pelo atual presidente da Câmara Municipal de Geminiano, Nicolau de Moura Neto PDT); vice-presidente, José Francisco Marques Filho (PMDB) e pelo 1º secretário, Elízio João do Carmo (PTB). Os três foram derrotados nas eleições do último dia 2 de outubro.
 
Em sessão realizada no último dia 25 de novembro, a Câmara Municipal de Alegrete do Piauí aprovou, por unanimidade, projeto de lei da mesa diretora aumentando o subsídio dos vereadores. A partir de 1º de janeiro de 2017 eles passarão a receber 4 mil reais por mês, inclusive o presidente da casa.
Pin It

DEIXE UM COMENTÁRIO


::Mais Notícias de Municípios


  • 26/03/2017 - Mesmo com as chuvas, cidades da região de Picos ainda sofrem com a estiagem
  • 26/03/2017 - Maria Vitória, criança que comoveu internautas perde a luta contra o câncer
  • 25/03/2017 - Homem é preso acusado de planejar morte da ex-namorada em Padre Marcos
  • 24/03/2017 - Torre de internet cai após ventania e atinge quatro casas em São Julião
  • 23/03/2017 - Monsenhor Hipólito encerra campanha de combate ao Aedes aegypti com mutirão na sede do município
  • 23/03/2017 - Polícia busca por suspeito de assassinar jovem em Padre Marcos
  • 23/03/2017 - Vice-prefeita e secretária de saúde entregam ambulância para comunidade da Br-020
  • 23/03/2017 - Jovem é morto a facadas na zona rural de Geminiano
  • 22/03/2017 - Simões sofre com chuvas irregulares
  • 22/03/2017 - Prefeitura de Itainópolis abre teste seletivo com 40 vagas em diversos cargos; veja o edital
  • 22/03/2017 - Após anos de seca, Barragem Piaus começa a receber água; veja fotos
  • 21/03/2017 - Peixe de 31 kg é pescado na Barragem de Estreito em Francisco Macedo
  • 20/03/2017 - Idoso que estava desaparecido é encontrado na divisa de São Julião e Alegrete
  • 18/03/2017 - Prefeitura de Massapê do Piauí convoca servidores demitidos para reassumirem cargos
  • 18/03/2017 - Secretaria da saúde de Monsenhor Hipólito promove campanha contra o ‘Aedes Aegypti’
  • 17/03/2017 - Encontrada moto do jovem de Campo Grande assassinado no último domingo
  • 17/03/2017 - Polícia Militar de Simões recupera moto roubada durante blitz
  • 15/03/2017 - Família de São Julião sofre acidente ao retornar de passeio em Maceió
  • 15/03/2017 - Funcionário dos Correios de Padre Marcos morre em acidente de moto
  • 15/03/2017 - Homem de Itainópolis é morto a tiros em Goiás