Publicidade

Picos: Centros de reabilitação atendem pelo menos 1,4 mil pacientes ao mês

Picos tem duas clínicas habilitadas para a prestação desses serviços, com atendimentos que ultrapassam 1.400 pacientes ao mês

Os Centros Especializados em Reabilitação tipo IV (CER IV) atuam no atendimento a pessoas com deficiência por meio de uma rede de assistência multiprofissional, conforme normatizações do Ministério da Saúde (MS). Picos tem duas clínicas habilitadas para a prestação desses serviços, com atendimentos que ultrapassam 1.400 pacientes ao mês.

Com equipes multifuncionais, os CER IV tratam das deficiências física, auditiva, visual e intelectual. As portarias 793 e 835 do MS dispõem que qualquer clínica privada, pública ou filantrópica, que se adequar às normas e critérios das portarias, pode solicitar o custeio para oferecer diagnósticos e tratamentos a pessoas com necessidade de reabilitação.

Centro Integrado de Reabilitação-Foto: Cidade Verde

No Brasil existem 214 CER IV, desse número, apenas três centros estão no Piauí. Em Picos, as Clínicas APAAS e Santa Ana são credenciadas pelo Ministério da Saúde para o atendimento à população pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

“Com isso, o Ministério da Saúde determina o mínimo de 700 atendimentos que cada clínica deve realizar durante o mês, distribuídos nas quatro especialidades, mas não quer dizer que fica só nesse número, pode ser mais”, ressalta o coordenador Municipal do Sistema de Informações Ambulatoriais (SIA) Rafael da Silva.

Para ser atendido pelas clínicas de reabilitação, o paciente precisa passar por consulta médica nas Unidades Básicas de Saúde. Conforme a necessidade, o profissional solicita encaminhamento e, com isso, o paciente passa pela auditoria da SMS para certificar se há real necessidade do procedimento de reabilitação. Só a partir daí, os casos são encaminhados para as clínicas.

“Cabe à Secretaria Municipal de Saúde apenas auditar esses pacientes, que são encaminhados pelos médicos da atenção básica. O gerenciamento do recurso é do Ministério da Saúde, a SMS não retira o dinheiro do SUS para pagamentos, isso acontece através de uma política nacional”, explica o assessor técnico da Secretaria de Saúde de Picos, Eduardo Carvalho.

O centros contam com consultórios médicos, salas para atendimentos com psicólogo, fonoaudiólogo, fisioterapeuta, nutricionista, assistente social, enfermeiro, pedagogo e psicopedagogo.

Pin It

DEIXE UM COMENTÁRIO


::Mais Notícias de Cotidiano


  • 21/02/2018 - Passagem de ônibus sobe para R$ 3,45 em Picos
  • 20/02/2018 - Trabalhadores protestam pelas ruas de Picos contra reforma da previdência
  • 19/02/2018 - Taxa de Iluminação Pública do mês de fevereiro ainda será cobrada com aumento de mais de 100% em Picos
  • 19/02/2018 - Bancários suspendem serviços e fazem atos em agências nesta segunda (19)
  • 19/02/2018 - Adolescente morre eletrocutada com celular ligado na tomada
  • 18/02/2018 - Estudantes podem usar nota do Enem para Universidades em Portugal
  • 18/02/2018 - 3º BEC realiza a Corrida da Paz 2018
  • 16/02/2018 - Metereologia faz alerta para grandes temporais na região de Picos
  • 16/02/2018 - Criança acha celular que ficou perdido 700m mar adentro
  • 16/02/2018 - Hospital Regional Justino Luz realizou mais de mil atendimentos durante o carnaval
  • 15/02/2018 - Acidente com ônibus da Guanabara deixa mortos e feridos na BR-020
  • 14/02/2018 - PRF registra 27 acidentes e pede prudência na volta do Feriadão de Carnaval
  • 13/02/2018 - Estado prepara novos agentes penitenciários em curso de formação
  • 12/02/2018 - Cadela participa do velório de dona e causa comoção
  • 12/02/2018 - Corpo de jovem é encontrado no Rio Guaribas
  • 11/02/2018 - Grave acidente deixa duas pessoas mortas na BR 316 em Picos
  • 10/02/2018 - Governo divulga calendário dos pontos facultativos de 2018
  • 09/02/2018 - Meteorologia prevê carnaval com chuvas no Piauí
  • 09/02/2018 - Petrobras anuncia redução do preço da gasolina em 3% e do diesel em 2,6%
  • 09/02/2018 - Pneu estoura e carro capota na BR 407 com trabalhadores de Massapê do Piauí