ad16
DestaquesTodas as Notícias

Audiência pública na Câmara Municipal debate sobre proposta da reforma da Previdência

O evento foi uma proposição dos vereadores Wellington Dantas (PT) e Antônio Moura (PC do B) e reuniu um número expressivo de pessoas.  

Uma audiência pública realizada na manhã desta sexta-feira (29), na Câmara Municipal de Picos, debateu sobre a proposta da reforma da Previdência, que tramita no Congresso Nacional. O evento foi uma proposição dos vereadores Wellington Dantas (PT) e Antônio Moura (PC do B) e reuniu um número expressivo de pessoas.  

A audiência contou com a presença de representantes da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Piauí (FETAG-PI), movimentos sociais, sindicatos, autoridades de Picos região e representantes de entidades de 20 municípios.  

Audiência pública sobre a reforma da Previdência – Foto: Romário Mendes

Durante a audiência, diversas pessoas usaram a tribuna no plenário da Câmara e criticaram a reforma da Previdência, destacando sua nocividade aos trabalhadores.  

Segundo o vereador Wellington Dantas, o objetivo do ato foi mostrar aos parlamentares piauienses que os trabalhadores da região de Picos são contra a reforma da Previdência. “É uma reforma que vai trazer muitas dificuldades para as pessoas, principalmente do Nordeste. Se forem dificultados os acessos dos cidadãos aos benefícios do INSS vai deixar de entrar dinheiro nos comércios dos municípios”, disse.  

Vereador Wellington Dantas – Foto: Romário Mendes

O secretário de Finanças e Administração da Fetag, Evandro Luz, destacou que a reforma traz grandes prejuízos aos trabalhadores rurais. “Estamos preocupados com essa reforma, porque o governo está querendo aumentar a idade da mulher, trazer uma contribuição obrigatória, que para nós trabalhadores rurais, principalmente do Nordeste, não terão condições de manter esses pagamentos em dia”, lembrou.  

Evandro Luz – Foto: Romário Mendes

Evandro reiterou que as autoridades políticas têm que barrar a reforma da Previdência. “Nós da Fetag estamos mobilizados com várias audiências no Estado do Piauí para fazer esse debate, porque a reforma vai agravar a desigualdade social no país e empobrecer ainda mais os trabalhadores rurais”, pontuou.  

Tags

Leia Também

Publicidade