ad16
DestaquesGeral

BALANÇO: Motos lideram acidentes em Picos

O comandante do 3º Batalhão de Engenharia e Construção de Picos, Emerson Bezerra, divulgou durante coletiva realizada na manhã desta segunda-feira, 01, o balanço final da Operação Trânsito Seguro equivalente ao ano de 2015. Os dados apontam que 690 pessoas se envolveram em acidentes no trânsito picoense, deste 590 envolvendo motocicletas.

12666310_897023790412613_441350833_n

O evento reuniu ainda o comando da Polícia Militar de Picos e o chefe da 4ª Delegacia da Polícia Rodoviária Federal.

Apesar do elevado número de acidentados, os dados são animadores já que houve uma redução no número de acidentes comparando com o balanço contabilizado nos últimos cinco anos. Em 2015 foram registrados 1027 acidentes, [confira o gráfico].

Acidentes 

2015 – 1027

2014 – 988

2013 – 1150

2012- 1311

2011 – 1343

2010 – 1113

Para o comandante do 3º BEC de Picos, Emerson Bezerra, o resultado mostra um avanço frente a Operação Trânsito Seguro. “Mesmo havendo um aumento na frota de veículos conseguimos reduzir o número de acidentes em Picos comparando 2015 e 2014. A meta é conseguir diminuir ainda mais este números já que o trânsito de Picos é marcado por grandes tragédias. Nas duas últimas semanas perdemos duas vidas, então intensificaremos as próximas edições da Operação para que estes números caiam ainda mais”, disse o comandante.

Edições da Operação em 2016

Devido os bons resultados obtidos com o projeto Trânsito Seguro, o mesmo será continuado em 2016 onde já estão planejadas para os próximos dias duas novas etapas. A expectativa é que por mês ocorram duas edições do Projeto que contemplam as blitzes de fiscalização, sediadas em locais específicos em que são comuns a ocorrência de acidentes como na Praça de Alimentação, por exemplo.

Ainda estão previstas que blitzes sejam montadas nos finais de semanas em locais de entrocamento, como nas PIs que ligam Picos a Bocaina e ao município de Santana do Piauí.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade