ad16
AutoPECASonline24.pt
BocainaDestaquesTodas as Notícias

Barragem de Bocaina atinge 70% da sua capacidade e pode sangrar

Dados do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS) apontam que nesta segunda-feira (16/03), o reservatório está com 74.876,295 m3, de água, o que representa 70% da capacidade. As informações são do Picos 40 graus.

“Este é o maior índice registrado na barragem de Bocaina dos últimos sete anos. Se forem registradas mais duas ou três chuvas como a desta segunda-feira, a possibilidade de sangrar não está descartada. A última vez que sangrou foi no ano de 2009”, disse o técnico do DNOCS Francisco Alves Teixeira.

Barragem de Bocaina na região de Picos – Foto: Divulgação

Em 2019, após o período invernoso, a Barragem de Bocaina registrou 52 milhões m³ de água.

Histórico

A barragem foi construída próxima a nascente do Rio Guaribas e tem capacidade para armazenar 106 milhões de metros cúbicos de água, que quando está cheia, chega a formar um imenso lago de até 28 quilômetros de extensão.

Vista aérea da barragem de Bocaina. - Foto: Youtube/Canal Ciro Nogueira
Vista aérea da barragem de Bocaina. – Foto: Youtube/Canal Ciro Nogueira

Construída no início da década de 80, no antigo povoado Varjota, pelo 3º Batalhão de Engenharia de Construção (3°BEC), o reservatório tinha como objetivo principal amenizar a seca nas cidades de Bocaina, Sussuapara e Picos, além de dar maior perenidade ao Rio Guaribas. Com o tempo tornou-se opção de lazer por ser uma das maiores barragens do Piauí.

No período de 2004 a 2009, a Barragem de Bocaina atingiu um de seus níveis históricos quanto ao volume de água, onde comportou 100% da sua capacidade.

Etiquetas
Botão Voltar ao topo
Fechar
Quer falar a Redação? Comece aqui