ad16
Geral

Caixa é proibida de debitar empréstimo em atraso na conta do cliente

[ad#336×280]A 5ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) proibiu o banco Caixa Econômica Federal de debitar valores referentes a empréstimos ou financiamentos em atraso de contas correntes ou contas salário.

De acordo com nota publicada no site do TRF-1, a decisão tem validade em todo território nacional.

A proibição, contudo, não é válida para empréstimos consignados de aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

No processo, o TRF anulou uma cláusula usada em diversos contratos, que previa a retenção de valores em contas destinadas ao recebimento de verbas de natureza alimentar —como salário, pensão alimentícia, pensão previdenciária ou aposentadoria— nos casos de inadimplência.

Agência da Caixa em Picos - Foto: José Maria Barros
Agência da Caixa em Picos – Foto: José Maria Barros

A Caixa também foi condenada a devolver em dobro e corrigidos os valores retidos dos clientes em contratos firmados nos últimos dez anos. Em caso de descumprimento da decisão, o banco será multado em R$ 20 mil por dia.

Em nota, a Caixa afirmou que o débito em conta questionado foi negociado com o cliente. O banco também ressaltou que vai recorrer e aguardará a decisão final do Judiciário.

Fonte: iG

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade