ad16
DestaquesGeralMunicípiosTodas as Notícias

Capitão Fábio Abreu diz que residência da chacina em Alegrete já era monitorada pela polícia

O secretário Estadual de Segurança, Fábio Abreu, está em Picos (a 306 km de Teresina) para acompanhar de perto as investigações da chacina que ocorreu na noite de ontem em Alegrete do Piauí. Abreu não quis adiantar as hipóteses da chacina, mas disse que a polícia já monitorava a residência.

“Estávamos acompanhando essa família, inclusive tinha sido cumprido um mandado de busca e apreensão na residência na semana passada, ela foi conduzida para delegacia, pagou fiança e foi liberada”, afirmou o secretário se referindo à apreensão de dez armas ocorrida na residência em que Maria do Socorro Carvalho, 23 anos, conhecida como Galega, foi levada para delegacia.

Secretário de Segurança-Foto: RiachaoNet
Secretário de Segurança-Foto: RiachaoNet

Ele disse que as informações ainda são superficiais, mas que há possibilidade de pistolagem. “A região de Picos, Pio IX, Fronteiras tem características pistolagens, por conta de rixa entre famílias, mas há muito tempo não tinha na região. Nosso objetivo é parar com essa situação”, declarou.

O secretário afirmou que todos os esforços para identificar e localizar os autores do crime. “Estamos empenhando todos os nossos esforços, solicitando o apoio de outros estados, principalmente os vizinhos já que é comum fugirem para lá. Nosso objetivo é proporcionar os meios necessários para que o trabalho seja feito da forma mais correta possível”, declarou.

Corpos foram levados para Picos-Foto: RiachaoNet
Corpos foram levados para Picos-Foto: RiachaoNet

Fabio Abreu acompanha o trabalho dos peritos do Instituto de Criminalística que também estão no local.

Entenda o caso
Seis pessoas da mesma família foram mortas em uma residência no povoado Boa Vista, a 15 quilômetros da sede de Alegrete, na noite de ontem(18), com tiros na cabeça. Elas estavam na sala quando foram surpreendidas pelos autores dos disparos. Os mortos eram todos familiares da estudante Galega e foram identificados como Cícero Domingos de Carvalho (avô), Francisca Luiza de Carvalho (avó), Silvia Francisca de Carvalho (mãe), Sildo de Carvalho (irmão), Bartolomeu Gomes (primo).

Cidades Na Net

Tags
LER MATÉRIA COMPLETA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Também