ad16
GeralTodas as Notícias

Cáritas Regional realizará capacitação sobre seleção, produção e multiplicação de sementes

Acontece nos dias 01 e 02 de abril, no Centro de Treinamento Diocesano (CTD), uma capacitação sobre seleção, produção e multiplicação de sementes. O evento é voltado para os agricultores e agricultoras inclusos no Projeto Sementes do Seminário, que tem a finalidade de resgatar, introduzir, multiplicar, intercambiar materiais crioulos de importância sócio-econômica e ambiental, bem como a manutenção de sua variabilidade genética e a sustentabilidade da produção agrícola em propriedades de agricultores/as, que trabalham no manejo agroecológico.

Outro objetivo do projeto é propiciar o acesso descentralizado de agricultores/as familiares às sementes através do resgate, preservação, multiplicação, estoque e distribuição de sementes crioulas, adaptadas à região, por meio da estruturação de casas/bancos comunitários de semente.

20151009_124501

Segundo Raimundo Azevedo, a capacitação possibilitará aos guardiões e guardiãs a troca de experiências e a difusão de tecnologias e manejos apropriados à seleção, produção e multiplicação de Sementes Crioulas que servirão de base genética prevenção da erosão nos matérias de propagação vegetal e no fortalecimento da agricultura familiar de base agroecológica, como parâmetro para o alcance da soberania e segurança alimentar das famílias no semiárido.

“Produzir Sementes é garantir a multiplicação e continuidade das espécies, é dar continuidade a vida, é manter viva a cultura, é garantir a soberania e segurança alimentar das famílias que dependem da produção de alimentos provenientes do cultivo de base agroecológico, nos sistema da agricultura familiar. É garantir, sobretudo o equilíbrio da biodiversidade”, conclui o coordenador.

Aqui no Vale do Guaribas, o Projeto Sementes do Semiárido, está sendo executado pela Cáritas Brasileira Regional do Piauí, entidade essa que já vem desenvolvendo várias ações no território, como a implantação de Cisternas de 16 mil litros do Programa Um Milhão de Cisternas (P1MC) para o uso de água para o consumo e o Programa Uma Terra e Duas Águas (P1+2) com a água para a produção de alimentos e criação de animais. A capacitação terá inicio às 08h00, no auditório Dom Helder Câmara.

Por Jucilene Silva

Comunicadora Popular da ASA

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade