ad16
DestaquesGeral

Carreta carregada de carne tomba na ‘curva da morte’

[ad#336×280]O trecho localizado no quilômetro 296 da BR-316 segue fazendo vítimas. No final da manhã desta quinta-feira (7) um caminhoneiro não conseguiu controlar o veículo enquanto contornava a já conhecida ‘curva da morte’, situada na descida da serra situada próxima ao povoado Fátima do Piauí, em Picos.

O veículo transportava uma carga de carne, que não demorou a ser saqueada por populares. O condutor, segundo informações da 4ª Delegacia da PRF, sofreu apenas lesões leves e foi socorrido pelo SAMU.

Carreta parcialmente destruída-Foto: Romário Mendes
Carreta parcialmente destruída-Foto: Romário Mendes

Até o fechamento desta matéria, a PRF não soube informar os dados do condutor e do veículo envolvidos no acidente. As imagens feitas no local mostram a situação em que ficou a carreta após o acidente e o saque da carga.

Através das imagens também é possível identificar os danos causados pelos constantes acidentes que ocorrem neste trecho.

Perigo na Serra

De acordo com informações da 4ª Delegacia da PRF de Picos, nos últimos cinco anos mais de 20 acidentes aconteceram na curva situada no quilômetro 296 da BR-316 envolvendo carretas e caminhões carregados que perdem o controle e acabam caindo em um abismo.

Local do acidente-Foto: Romário Mendes
Local do acidente-Foto: Romário Mendes

No final de 2012, o então inspetor da 4ª Delegacia da PRF, Washington Sousa, explicou que “a curva é acentuada e a força centrífuga atua de forma determinante para os tombamentos dos veículos de carga”. Ele ainda destacou que o problema só é possível de ser solucionado com um trabalho de educação de trânsito, fiscalização e, principalmente, a realização de uma obra de engenharia.

"Curva da morte" na ladeira de Fátima do Piauí -Foto:Maria Moura
“Curva da morte” na ladeira de Fátima do Piauí -Foto:Maria Moura
Abismo logo depois da curva-Foto: Maria Moura
Abismo logo depois da curva-Foto: Maria Moura

 

Carreta no matagal -Foto: Maria Moura
Carreta no matagal -Foto: Maria Moura
Tags

5 Comments

  1. Thanks for the sensible critique. Me and my neighbor were just preparing to do a little research about this. We got a grab a book from our local library but I think I learned more clear from this post. I am very glad to see such excellent info being shared freely out there.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Também

Publicidade