DestaquesGeralTodas as Notícias

Com salários atrasados, médicos do HRJL podem paralisar atividades

Com  salários atrasados desde abril deste ano, os médicos do Hospital Regional Justino Luz, em Picos, ameaçam paralisar as atividades. Segundo os profissionais que foram contratados pelo Instituto de Gestão e Humanização (IGH), responsável pela gestão do Hospital desde outubro de 2015, a Organização Social não vinha remunerando em dias a categoria.

“Existem profissionais aqui que estão trabalhando com mais de dois meses sem salário, estamos segurando os atendimentos, pois não podemos deixar a população desassistida, mas caso a negociação não aconteça, iremos parar nossas atividades e apenas os médicos concursados irão realizar atendimento no HRJL, o que é importante ressaltar é que o número de profissionais concursados não atende a demanda da unidade de saúde”, explicou um médico.

A situação vem se perdurando desde a saída do IGH, e com a readmissão do Estado no comando do Hospital Regional, a categoria espera que  a dívida seja negociada. Em meio à reuniões, o Governo do Estado assegurou que os repasses foram feitos continuamente à empresa.

O caso foi denunciado ao Ministério Público, e algumas tentativas de contato com o IGH já foram feitas, porém sem sucesso. A empresa segundo os médicos não estaria mais atendendo telefones.

 

Se o problema não for solucionado, a paralisação será deflagrada apenas pelos médicos contratados que correspondem a um número expressivo.

Outro lado

Em entrevista com representante do Instituto de Gestão e Humanização, o mesmo enfatizou que na próxima semana, a Organização Social irá reunir-se com o governo do Estado em busca de soluções para o problema.

 

 

 

LER MATÉRIA COMPLETA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Também