ad16
CidadeSaúde

Comando da Saúde faz blitz nas rodovias de Picos

Posto da PRF em Picos - Foto: Divulgação
Posto da PRF em Picos - Foto: Divulgação

O SEST/SENAT, em parceria com a Polícia Rodoviária Federal, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), o CTA – Centro de Testagem e Aconselhamento promoveu na manhã da última quarta-feira (18) o projeto “Comandos de Saúde nas Rodovias”, campanha educativa que tem por finalidade reforçar junto aos caminhoneiros e outros trabalhadores do transporte a necessidade de se manter a saúde em dia para evitar acidentes de trânsito nas rodovias.

“Já é o quarto ano que a Secretaria Municipal de Saúde colabora para esta ação. Através da secretaria mobilizamos os profissionais de saúde do município, equipamento e insumos para este comando de saúde acontecer, para nós é uma satisfação participar desse evento”, disse a Secretária Municipal de Saúde de Picos, Hildegardes Medeiros.

Os trabalhos do projeto “Comandos de Saúde nas Rodovias”, são desenvolvidos em nível nacional por intermédio das Unidades do SEST/SENAT localizadas nos grandes centros urbanos e no entorno dessas localidades. As campanhas são realizadas ao longo das principais rodovias em todas as regiões do Brasil. Em Picos o projeto foi realizado no posto da PRF no Km 292 da BR-316.

O Código de Trânsito Brasileiro exige a realização de exames periódicos aos motoristas, porém somente a cada cinco anos, por ocasião da renovação da CNH é que as pessoas realizam exames de saúde. Assim, os Comandos de Saúde nas Rodovias preenchem esta lacuna de tempo, realizando os exames durante suas campanha.

Durante a campanha, foram distribuídos kits contendo camiseta, material informativo sobre dependência química e sacolas dos comandos. Em Picos mais de 100 motoristas foram atendidos.

Os comandos detectam fatores de risco à saúde nos trabalhadores em transporte, como pressão alta, obesidade, estresse e sonolência, e orientam aqueles que apresentam esses fatores a procurarem atendimento em uma das unidades do Sest Senat. Além disso, psicólogos e médicos da instituição orientaram os motoristas sobre os riscos da utilização de substâncias químicas, bem como sobre os tratamentos de combate e prevenção à dependência química.

ASCOM


[ad#ad-3][ad#ad-3]
Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade