ad16
DestaquesMunicípiosPaulistanaTodas as Notícias

Comporta do Açude Ingazeira é novamente aberta após quatro anos. Veja fotos!

[ad#336×280]A Coordenação Estadual do Departamento Nacional de Obras Contra a Seca (DNOCS) no Estado do Piauí determinou a abertura da comporta do açude Ingazeiras, na cidade Paulistana (PI) que se encontra transbordando após as fortes chuvas no mês de Fevereiro de 2014.

A operação foi realizada por funcionários da empresa na cidade de Paulistana na manhã desta segunda-feira (10/03), por volta de 11:30 horas. Uma mistura de lama e água com um odor quase insuportável está sendo liberada pela comporta aberta do Açude Ingazeira.

Segundo informação de funcionários do DNOCS a previsão inicial é que o reservatório ficará aberto por 72 horas, e que o objetivo da liberação da água é fazer uma limpeza na parte mais profunda da represa.

A operação foi realizada por funcionários da empresa na cidade de Paulistana na manhã desta segunda-feira (10/03)
A operação foi realizada por funcionários da empresa na cidade de Paulistana na manhã desta segunda-feira (10/03)

Um funcionário do DNOCS explicou que a liberação da água não afetará em nada a quantidade de vazão de água do açude, sobretudo, pelo fato de ele ainda está transbordando. A última vez que as comportas do Ingazeiras foram abertas foi em janeiro de 2010.

O reservatório do Açude Ingazeiras fica localizado bacia hidrográfica do Rio Canindé/Piaui e tem capacidade para armazenar 25 milhões de metros cúbicos.
O reservatório do Açude Ingazeiras fica localizado bacia hidrográfica do Rio Canindé/Piaui e tem capacidade para armazenar 25 milhões de metros cúbicos.

O reservatório do Açude Ingazeiras fica localizado bacia hidrográfica do Rio Canindé/Piaui e tem capacidade para armazenar 25 milhões de metros cúbicos. Atualmente, o açude está com 100% de sua capacidade, ou seja, pouco mais de 25 milhões de metros cúbicos conforme mostra o gráfico do sistema de monitoramento das águas dos reservatórios do DNOCS.

Fonte: FN Noticias

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade