ad16
https://ead.uninta.edu.br/
AutoPECASonline24.pt
Geral

Corpo de Bombeiros comemora oito anos em Picos dia 16 de agosto

Militares do corpo de bombeiro-Foto: Corpo de Bombeiro de Picos

A companhia destacada do Corpo de Bombeiros de Picos comemora no dia 16 de agosto aniversário de oito anos de serviço prestado a população da região de Picos. Para comemorar o aniversário, está sendo feito uma reforma ampla na sua sede com uma aquisição de um novo o alojamento para os militares, um alojamento feminino, a nova seção de análise de projetos que tem a frente o Major Macedo, novos equipamentos de combate a incêndio e uma reforma geral na Viatura principal de combate a incêndio o ABT 08.

“Vamos comemorar esses oito com uma reforma no prédio. Com a saída da Polícia Militar do prédio ganhamos um alojamento grande e espaçoso, a sala de sessão de analise de projeto que só tem aqui em Teresina, e vamos reformar todos esses lugares”, conta tenente Ana Cléia.

Ainda de acordo com a tenente nesses oito anos o Corpo de Bombeiro trabalhou muito para servir a população de Picos e região, sobretudo em vistorias, incêndios e trabalhamos todo final de semana na Barragem de Bocaina, na qual de janeiro de 2011 até julho deste ano não foi registrado nenhum afogamento ou morte. Militares da Marinha estão vindo frequentemente em Picos para incentivar e divulgar o trabalho do Corpo de Bombeiros. “A tendência do corpo de bombeiros é aumentar de 2007 pra cá eu venho notando que estamos sempre crescendo. Hoje somos 23 e a tendência é só de aumentar”, comemora.

Os bombeiros ganharam 6 kits de equipamentos de proteção individual-Foto:Romário Mendes

Embora não ter o número suficiente de militares para duas ocorrências ao mesmo tempo como apagar incêndios em cidades diferentes. O Corpo de Bombeiros de Picos vem trabalhando de prevenção para não acontecer ocorrências frequentemente, ou seja, usando mais a parte teórica e menos a pratica. Segundo Ana Cléia essas prevenções são feitas através de palestras e cursos. “Eu trabalho aqui em Picos na parte da prevenção, porque temos que fazer a prevenção para aquela determinada ocorrência não acontecer mais”, frisou.

Viaturas do corpo de bombeiro-Foto:Romário Mendes

O ponto negativo são as viaturas, além de serem muito envelhecidas não são adequadas para Picos, por ser uma cidade que possui morros, dificulta a locomoção das viaturas até a ocorrência. “Tem que vir uma viatura própria para a cidade, que consiga subir morros com facilidade e que tenha uma velocidade mais rápida”, solicita.

 

Novo alojamento dos bombeiros-Foto:Romário Mendes
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade