ad16
DestaquesMunicípios

Crediarista de Monsenhor Hipólito é encontrado morto no Pará

O crediarista de Monsenhor Hipólito, Cornélio Manoel de Carvalho, de 59 anos, foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira, 17, na cidade de Tomé-Açu, interior do Pará.

De acordo com informações, “Cornélio de Nezim” como era conhecido em Monsenhor Hipólito, trabalhava como crediarista no Piauí e também no estado do Pará e teria desaparecido no sábado após sair para comercializar suas mercadorias na cidade de Tomé-Açu\PA.

Cornélio Manoel de Carvalho tinha apenas  59 anos - Foto: Reprodução
Cornélio Manoel de Carvalho tinha apenas 59 anos – Foto: Reprodução

Preocupados com o desaparecimento do mesmo, familiares e amigos fizeram uma busca na região e na manhã de segunda seu corpo foi encontrado em um matagal e encoberto por folhas. A polícia foi acionada e investiga o crime.

Um irmão da vítima que reside em Monsenhor Hipólito viajou hoje pela manhã para a cidade paraense de Tomé -Açu para tratar do traslado do corpo do crediarista para a sua terra natal onde deverá ser velado e sepultado.

Cornélio Manoel de Carvalho estava em seu segundo relacionamento e era pai de cinco filhos.

Atualização

Informações não confirmadas apontam que a Polícia teria conseguido prender três indivíduos suspeitos de terem participado da morte do crediarista Cornélio de Monsenhor Hipólito. Com o trio foram apreendidas duas armas, munições e mercadorias supostamente roubadas da vítima.

LER MATÉRIA COMPLETA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Também