ad16
AutoPECASonline24.pt
GeralTodas as Notícias

DESCASO | Município de Jaicós se transforma em cemitério de obras paradas

[ad#336×280]A centenária da cidade de Jaicós, situada a 366 km de Teresina, se transformou num cemitério de obras paralisadas. São projetos que, no papel, visavam dar mais qualidade de vida à população. Na prática, o que se tem visto é uma realidade bem diferente.

As obras se espalham pela zona urbana e rural. Uma delas é a estrada que interliga a BR 407, em Jaicós, e a BR 020, em Itainópolis. A informação é que pouco mais de 50% dos serviços de implantação em revestimento primário da estrada foi executado. A extensão total é de 33 km.  A obra é do Governo do Estado, através do DER – Departamento de Estradas e Rodagens do Piauí, orçada em mais de R$ 5 milhões.

DSC04241

No entroncamento com a BR 407, onde a obra foi iniciada, a placa de identificação onde devem ser informados o prazo de execução, o valor da obra e os agentes participantes, não foi instalada. Quem utiliza a estrada, a placa que pode ser vista alerta os condutores para um fato inexistente.

Obras de melhorias em duas escolas da rede pública estadual também estão inacabadas e paralisadas há cerca de 30 dias. Na Unidade Escolar Lili Silveira, situada no Bairro Nova Olinda, estão previstos investimentos no valor de R$ 489 mil. De acordo com a placa de identificação da obra, o prazo para execução dos serviços de reforma era de seis meses, com término previsto para abril deste 2014.

DSC04232

O contrato com a Construtora União Ltda, empresa responsável pela execução do serviço, foi aditivado pelo secretário de Educação e Cultura do Estado do Piauí, Alano Dourado Meneses. O novo prazo, no entanto, também já venceu. Segundo o Aditivo, após a repactuação, o prazo final para conclusão seria o dia 04 de outubro de 2014, véspera da eleição.

Na Unidade Escola Frutuoso Juscelino, no Bairro Serranópolis, além da reforma, o projeto do Governo do Estado, através da Secretaria Estadual de Educação de Cultura, previa também a ampliação, com a construção de novas salas de aula, orçado em R$ 1.041.164,29.

DSC04258

Parte do serviço foi realizado. Porém, a falta de planejamento adequado e até mesmo de dotação orçamentária, obrigou o Governo a prorrogar do prazo de conclusão da obra, que encerraria dia 06 de julho de 2014. Com o aditivo, o novo prazo se estende até 03 de dezembro de 2014.

Também está paralisada a obra de reforma do Estádio Municipal José Retrão de Oliveira, orçada em R$ 1.136.937,81, recursos do Governo do Estado, através do Instituto de Desenvolvimento do Piauí – IDEPI. O contrato com a empresa SL Serviços de Construções Ltda., assinado em maio deste ano, ainda está em vigor, e prevê um prazo de 180 dias a contar da data do recebimento da Ordem de Serviços, e 285 dias da data da assinatura.

DSC04253

No local, os únicos sinais de obra são os destroços das paredes demolidas e a placa de identificação da obra, que, ao invés de afixada em local visível, está abandonada em frente a uma residência ao lado do Estádio. O espaço destinado à prática desportiva, agora serve, também, de rua. Rastros apontam o tráfego de veículos pelo centro do campo.

Também segue só em promessa a revitalização da Praça Socorro Lélis, situada no Bairro Serranópolis, ao lado de uma das mais movimentadas avenidas da cidade. A obra, também de responsabilidade da empresa SL Serviços de Construções Ltda., de propriedade do ex-prefeito de Patos, Silvio José, e do vereador, Luiz Evaristo, está paralisada. O convênio prevê investimentos de R$ 98 mil, recursos do Governo do Estado do Piauí, através do IDEPI.

DSC04262

Embora o governador Zé Filho tenha como aliada a prefeita do município, Waldelina Crisanto, Jaicós não tem tido a atenção esperada por parte do Governo do Estado, e o resultado disso são as várias obras inacabadas que existem no município e que poderiam, em muito, contribuir para a melhoria das condições de vida da população.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade