ad16
DestaquesMunicípiosPolíticaTodas as Notícias

Dois prefeitos do PT disputam a Associação dos Municípios no Piauí

Dois candidatos do PT disputam a presidência da Associação Piauiense de Municípios (APPM) – os prefeitos Gil Carlos, de São João do Piauí, e Patrícia Leal, de Altos, ambos reeleitos em 2 de outubro para o segundo mandato. A APPM congrega os prefeitos do estado e é controlada hoje pelo PSB, tendo o prefeito Arinaldo Leal, de Vila Nova do Piauí (380 quilômetros ao sul de Teresina), como presidente. Arinaldo Leal não foi candidato à reeleição.

A eleição para a APPM será em 6 de janeiro, uma semana depois da posse dos prefeitos eleitos. A prefeita reeleita de Altos, Patrícia Leal (PT), descartou ontem a possibilidade de acordo com Gil Carlos para que um dos dois desista da disputa. Ela garantiu que não há possibilidade de desistir e ainda criticou duramente a atual gestão da APPM. “Há 20 anos está o mesmo grupo político (no controle da APPM). Nós queremos reinventar a APPM. Queremos uma APPM para os prefeitos e não para poucos, que é o que está acontecendo”, declarou.

gil-carlos-e-patricia-leal-1900x900_c

Na semana passada, Gil Carlos conseguiu o apoio do prefeito reeleito de Água Branca, Jonas Moura (PSB). Jonas também estava na disputa pela APPM e desistiu para ser vice de Gil Carlos. Ontem, o prefeito de São João voltou a pregar a união dos prefeitos em torno de uma candidatura única. Patrícia Leal disse que a disputa é boa para os prefeitos, porque, segundo ela, permite aos gestores avaliar as propostas dos candidatos e escolher o que melhor atender às expectativas de cada um.

Para ela, elegendo Gil Carlos, a APPM ficaria como está hoje. “Eu tenho certeza que não é isso que a maioria dos prefeitos quer. Alguns já se desfiliaram por conta da atual gestão. Os prefeitos não querem que continue como está”, disse, em entrevista ao Jornal do Piauí, da TV Cidade Verde. “Eu entendo que o ideal seria o consenso, mas não havendo, é salutar a disputa, e aí cada prefeito vai avaliar em quem votar”, observou.

Reeleita em altos com quase 80% dos votos válidos do município, Patrícia diz ter o apoio de 70 prefeitos. “Já temos 70 prefeitos nos apoiando, então essa possibilidade de desistir não existe”, reafirmou.

Fonte: Diário do Povov

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade