ad16
Dom Expedito LopesTodas as Notícias

Dom Expedito Lopes ultrapassa produções nacionais no cultivo da palma adensada

O município, que recentemente atingiu resultados surpreendente na produção de alho livre de vírus, agora mostra que também pode estar entre os maiores produtores de palma irrigada.  

Em Dom Expedito Lopes, um produtor sem acompanhamento técnico profissional, realizou um plantio de palma por sistemas de cultivo adensado (gotejamento) e o resultado foi surpreendente. Atingindo uma produção superior a 20 kg planta., comparando com as médias divulgadas no Brasil. O município, que recentemente atingiu resultados surpreendente na produção de alho livre de vírus, agora mostra que também pode estar entre os maiores produtores de palma irrigada.

Plantio de palma em Dom Expedito Lopes
Plantio de palma em Dom Expedito Lopes

Nossa equipe foi até o plantio conferir e formos surpreendidos por uma pesagem de uma planta com um ano e um mês que pesou 30 kg.

O Produtor Joaquim Tomaz, da comunidade Baixa Grande, preparou um plantio de palma irrigado com área equivalente a meio hectare, comparando com os resultados mostrados por uma reportagem em uma fazenda do Rio Grande do Norte e outra na Bahia, duas das maiores produções da planta, com uma média de 62.500 plantas por hectare, o resultado aqui em Dom Expedito Lopes seria muito satisfatório, pois teria um resultado de 1.687.500 kg ou seja. 1687T/ha.

Palma forrageira tem origem no México e se adaptou bem em boa parte do semiárido brasileiro e do mundo pelas suas características anatômica, morfológica, fisiológica e bioquímica decorrente da adaptação aos rigores climáticos.  No Nordeste predomina o cultivo de espécies de palma dos gêneros Opuntia  (variedades  Redonda  e  Gigante)  e  Nopalea(palma  miúda  ou  palma  doce),  ambos  da  família Cactácea

A palma possui características que a tornam importante na pecuária tanto  pela capacidade de adaptação, rusticidade e longevidade no semiárido  como  pela  boa aceitabilidade pelo gado.

Algumas observações de campo apontam produtividades  médias  da  palma  forrageira,  em sistemas  de  cultivo  adensado  superiores  a  400  toneladas/ha-ano.

Informações de Josely Ecologista – Meio Norte

Tags

Leia Também