ad16
AutoPECASonline24.pt
Geral

Estiagem prejudica agricultores em Picos

Seca
Barreiros de água estão secando prejudicando os animais 

Por Romário Mendes

Da Redação

No Piauí, em especial no município de Picos, os números da seca são alarmantes, principalmente para os agricultores que perderam toda a safra em razão do inverno irregular. O feijão, o milho, e arroz tiveram perdas totais, a mandioca, que também não rendeu lucro ao produtor, ainda pode estar com a safra de 2013 comprometida.

“Os trabalhadores rurais do município de Picos já estão com perdas de 100% da produção da safra de 2011 e 2012, e esperamos dos gestores públicos estaduais, municipais e federais verbas o quanto antes possível para que possamos socorrer o nosso produtor rural”, diz Ricardo Araújo, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Picos.

Alguns donos de gado já estão vendendo seus rebanhos, pois não terão condições de sustentar os animais devido à falta de alimento e de água. Outros apelam para queimar macambira e dar aos bichos. Barreiros com água represada estão secando, fazendo com que os criadores sejam obrigados a recorrer a carros-pipa.

A compra de água tem um preço alto para quem quase não tem o que comer. A saída acaba sendo levar o animal para o matadouro e destiná-lo à venda ou abatimento.

Segundo Antônio Isidoro, morador do Povoado Angico Branco, Município de Picos, a situação é precária na sua região. De acordo com ele, o animal não tem mais o que comer e os barreiros estão secando, além de ter perdido quase tudo que plantou. “Não tem mais pasto para os animais, estou queimando macambira para dar a eles. Perdi praticamente tudo, só o feijão que colhi um pouco, mas não dá para o gasto, comprei milho e vou comprar feijão. Espero que o governo dê pelo menos a semente para plantarmos no próximo ano”, conta.

Para amenizar a seca, o governador do Estado, Wilson Martins, juntamente com o poder  municipal estão elaborando programas para ajudar os agricultores que sofrem com a seca. Segundo o presidente da Defesa Civil em Picos, Jânio Marcos Rufino, o órgão vem fazendo sua parte no trabalho de combate a seca. O órgão vem realizando reuniões em vários Povoados da zona rural para anunciar as ações da defesa civil e implantar o núcleo comunitário da Defesa Civil.

“Começamos no dia oito o calendário de visitas às comunidades rurais, e em cada visita estamos explanando e anunciando ações da Defesa Civil e ao mesmo tempo implantando o núcleo comunitário da Defesa Civil, que vai nos ajudar colocar mais ações nesses lugares”, relata.

Jânio lembra também que a Defesa Civil está esperando programas do governo federal para ajudar no combate à seca, já que a prefeitura de Picos vem realizando trabalhos, principalmente no abastecimento de água através de carros-pipas. “O município de Picos está arcando com as despesas da distribuição de água através de carros-pipas”, frisou.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade