ad16
DestaquesGeral

Ex-vereador Carlos Luís Nunes de Barros morre em Teresina

O ex-vereador e empresário era filho de Helvídio Nunes de Barros, ex-governador e ex-senador.

Faleceu na manhã de hoje(25) em Teresina, o empresário e ex-vereador Carlos Luís Nunes de Barros, 59 anos, superintendente do Sistema de Comunicação de Picos – SCP (Rádios Difusora AM e Grande FM Ele era Engenheiro químico e servidor efetivo da Agespisa.

Carlos Luís era filho do ex-senador e ex-Governador Helvídio Nunes de Barros.

De acordo com informações repassadas pela família, ele estava internado na capital, no Hospital Santa Maria. Seu corpo será trazido para Picos onde ocorrerá o velório e sepultamento. A causa da sua morte ainda não foi divulgada.

Carlos Luís Nunes de Barros. Foto: Jailson Dias
Carlos Luís Nunes de Barros. Foto: Jailson Dias

O Sistema de Comunicação de Picos e a Câmara de Vereadores de Picos divulgaram nota de pesar.

Nota de Pesar do SCP

É com profundo pesar que o Sistema de Comunicação de Picos – SCP informa o falecimento de seu superintendente Carlos Luís Nunes de Barros, o doutor Carluís, ocorrido na manhã deste domingo (25), no Hospital Santa Maria, em Teresina, aos 59 anos.

Seu corpo será trasladado para a cidade de Picos, onde devem ocorrer o velório e sepultamento. Carlos Luís Barros deixa esposa e duas filhas.

Rogamos ao Pai Celestial que conforte familiares e amigos neste momento de dor.

Nota de Pesar da Câmara Municipal de Picos

É com grande pesar que a Câmara de Vereadores de Picos manifesta suas condolências a todos os familiares e amigos do ex-vereador, Carlos Luís Nunes de Barros, pelo seu falecimento ocorrido hoje, 25 de abril de 2021, em Teresina.

A Câmara de Vereadores, por meio de seu presidente Francisco das Chagas de Sousa, o Chaguinha, todos os Vereadores e funcionários, lamentam com profundo pesar o falecimento do picoense, e decreta luto oficial de três dias.

Deixamos aos familiares e amigos nossos mais sinceros pesares, e esperamos que encontrem em Deus a força necessária para superar a dor da perda. Nossos sentimentos.

“Diante da morte não há nada que possamos fazer a não ser rezar. É preciso rezar por aquele que amamos e que partiu, para que descanse em paz e encontre a luz para continuar crescendo espiritualmente. Mas, é preciso rezar também por aqueles que ficam, para que encontrem conforto e consigam enviar pensamentos de paz para quem agora já não está entre nós”.

AGUARDEM MAIS INFORMAÇÕES

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui