ad16
EconomiaGeral

Governo quer atender excedentes do Garantia-Safra

Garantia Safra irá ajuda agricultor familiar

A coordenação estadual do Garantia-Safra confirmou, na manhã desta segunda-feira (29), a inscrição de 111,2 mil famílias de agricultores familiares no programa para a safra 2012/2013 no Piauí. É a segunda vez que o Estado supera a meta estabelecida pelo Governo Federal, mas o governador Wilson Martins vai negociar o atendimento do contingente excedente.

A cota para a próxima safra é de 100 mil famílias, mas o número de inscritos, mesmo após a seleção a ser feita, vai superar a meta. Foram inscritas famílias de 168 municípios, que terão direito a um seguro no valor de R$ 760, pagos em cinco parcelas, em caso de perda igual ou superior a 50%.

O Garantia-Safra é um seguro de renda mínima para as famílias agricultoras do Nordeste. Depois de inscrito, para efetivar a adesão é preciso que o agricultor pague a taxa de adesão, este ano fixada em R$ 9,50. Os recursos do fundo vêm dos próprios trabalhadores, do governo estadual e dos municípios.

Podem participar os agricultores que plantam entre 0,6 a 10 hectares de arroz, feijão, milho, algodão ou mandioca, em área não irrigada e que tenham renda familiar mensal de até um salário mínimo e meio, não incluindo aposentadoria rural. A inscrição é aberta a todos os agricultores familiares e é feita por meio da Declaração de Aptidão ao Pronaf.

O benefício ao agricultor, em caso de perda de 50% ou mais de sua plantação, é pago pela Caixa Econômica Federal e correspondentes bancários em parcelas mensais, por meio do Cartão do Cidadão, que traz o Número de Identificação Social (NIS) do agricultor.

Fonte: Ccom

Tags
LER MATÉRIA COMPLETA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Também