ad16
DestaquesGeral

Homem com transtornos mentais é reencontrado pela família

[ad#336×280]Mais um susto para a família de Danilo de Moura. O homem que foi reencontrado em Valença ainda no início do mês de abril após mais de dez anos desaparecido voltou a fugir na madrugada de ontem (27).

Mas dessa vez a ausência foi curta. Ele foi encontrado nesta sexta-feira (28) após a ligação de um popular informar aos familiares que um homem com características semelhantes às de Danilo estava nas proximidades da Praça Valquiria Monteiro, no bairro Junco, zona leste.

A família checou a informação e acabou localizando o “fujão” ainda nas proximidades do Mercado Público do bairro. Ele estava sujo e com alguns ferimentos nas mãos, prováveis “consequências da fuga e do arrombamento da porta de casa”, explica Maria Marlene, irmã de Danilo.

Maria Marlene e Danilo Moura: final feliz – Foto: Katiane Soares
Maria Marlene e Danilo Moura: final feliz – Foto: Katiane Soares

Danilo Moura, 33 anos, é vítima de distúrbios mentais e fugiu de casa na madrugada de quinta-feira após arrombar a porta do quarto da casa onde vive ao lado de outros familiares, no bairro São José. A família fez uma apelo à sociedade picoense através da imprensa na tentativa de reencontrá-lo mais uma vez.

De acordo com Maria Marlene, seu irmão sofre de transtornos mentais desde a infância e teria passado um mês e 27 dias internado em regime parcial no Hospital Dia de Picos – especializado nesse tipo de atendimento. “Ele teve alta há apenas 18 dias”, ressalta Marlene.

:::LEIA MAIS:::

Final feliz: homem que não sabia o próprio nome reencontra família

Etiquetas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade