ad16
DestaquesSaúdeTodas as Notícias

Hospital Regional de Picos nega boatos de que oxigênio para pacientes chegou ao fim

Em nota, afirmaram que o abastecimento é feito em média três vezes por semana.

O Hospital Regional Justino Luz (HRJL), referência na região centro-sul do Estado, vem sendo alvo de falsas notícias, as chamadas FAKE NEWS, que espalham mentiras e dificultam a divulgação de informações e orientações verdadeiras pelas autoridades à população.

Diante da situação, reforçamos os cuidados à população para os riscos da divulgação de notícias falsas envolvendo o hospital. Quem divulgar e/ou compartilhar falsas notícias poderá ser penalizado, de acordo com o Artigo 41 da Lei das Contravenções Penais.

A autoridade policial competente será comunicada sobre toda e qualquer notícia falsa envolvendo o combate ao COVID-19 no HRJL, sendo que os responsáveis poderão incidir na penalidade prevista no Artigo 41 da Lei das Contravenções Penais, haja vista a potencialidade de referidas falsas notícias (fake news) causarem pânico ou tumulto junto à sociedade.

Vale ressaltar que todo o setor Covid (enfermaria e uti), além dos demais setores do hospital, utilizam oxigênio de um tanque. Os pacientes internados na enfermaria e na UTI utilizam oxigênio canalizado do tanque e os torpedos são usados, na sua maioria, para transferir pacientes até o leito de internação. O abastecimento é feito em média três vezes por semana. Até o momento o abastecimento está suprindo toda a demanda.

Ascom HRJL

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade