ad16
AutoPECASonline24.pt
GeralPolícia

Soltura de Joel deve acontecer nesta quarta-feira(15)

Joel
Fotojornalista Joel foi vítima de engano. Advogados estão trabalhando para libertá-lo. Foto: Arquivo pessoal

Da redação do RiachaoNet

Segundo informações obtidas pela nossa equipe, um dos delegados que acompanhou  a operação SEGOR (da Polícia Civil do Piauí)  na quinta-feira (09 de fevereiro),  prendendo  16 pessoas em Picos, região do Sertão Sul, e na capital do Piauí, retornará a Picos trazendo documentos do balanço da operação, bem como, o laudo técnico da perícia de voz que comprova não ser a fala de Joel Marques Cardoso que aparece nas gravações grampeadas pela polícia.

Uma fonte que acompanha o caso em Teresina revelou a nossa reportagem não existir mais dúvidas para a polícia de que Joel e a pessoa citada nas gravações são pessoas distintas, ou seja,  a voz de um não tem nada haver com a do outro. Após a apresentação da documentação ao juiz de Picos que deverá acontecer nesta quarta-feira(15), Joel será colocado em liberdade.

A prisão de Joel se deu pelo fato do mesmo ter um  aparelho celular e chip  cadastrado no seu nome e que estava sendo usado por um elemento para práticas delituosas. O celular, segundo informações, havia sido perdido, mas Joel não cancelou a linha e nem fez boletim de ocorrência (B.O). O fato tem servido de lição para muita gente que já perdeu celular ou simplesmente descarou aparelhos velhos com seus respectivos chips de celular pré-pagos.

Matérias relacionadas:
Operação SEGOR pode ter prendido fotojornalista por engano
Polícia pede perícia de voz para esclarecer prisão de Joel
Nota de Repúdio do Sindjor-PI sobre prisão de fotojornalista em Picos
Esposa de Joel diz que falha da Justiça é irreparável

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade