ad16
DestaquesTodas as Notícias

Jovem advogada picoense morre em Teresina após dias de luta na UTI

Renata Vérica era membro da Comissão Estadual das Pessoas com Deficiência da OAB/PI e vinha atuando em Teresina e em Picos em parceria com o primo e também advogado Gláuber Silva.

A advogada picoense Renata Vérica de Sousa Silva, 26 anos, faleceu na manhã deste sábado (16), na Unidade de Terapia Intensiva da Pronto Med, em Teresina, onde residia há mais de 15 anos. A profissional era membro da Comissão Estadual das Pessoas com Deficiência da OAB/PI e vinha atuando em Teresina e em Picos em parceria com o primo e também advogado Gláuber Silva.

Seu corpo chega a Picos às 18h e será velado na Funerária PAF Vida, localizada na Rua do Cruzeiro. Neste domingo (17) ocorrerá a missa de corpo presente e seu sepultamento na cidade de Francisco Santos, terra natal dos seus pais.

Renata Vérica de Sousa Silva

Trajetória de Renata Vérica

Em Picos, viveu toda sua infância no bairro Malva e estudou no Colégio Santa Rita. Portadora da Síndrome Mucopolissacaridoise tipo 6 – condição causada pela deficiência da enzima arilsulfatase B (ASB), teve que transferir seu domicílio para Teresina em 2004 em busca de um tratamento mais especializado.

Em 2005, perdeu a visão em decorrência de uma hidrocefalia ocasionada pela citada e rara doença, que era acompanhada e estudada de perto por doutores da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e de São Paulo.

Após estudar no Colégio das Irmãs e no Diocesano, em Teresina, Renata Vérica se formou em Direito em agosto de 2018 na Faculdade Camilo Filho. Em seguida passou no dificílimo exame de admissão da Ordem dos Advogados do Brasil e recebeu a Carteira da OAB das mãos do atual presidente Dr. Celso Barros Neto. Recentemente, matriculou-se ainda na pós-graduação em Direito Penal e Processo Penal da Escola do Legislativo Piauiense.

Sua família vivenciou de perto toda essa formação e superação de obstáculos de Renatinha, como era carinhosamente conhecida. Principalmente quando a mesma perdeu a visão e sua mãe não desistiu de realizar todos os sonhos da filha lendo todos os livros para a mesma alcançar suas metas.

A última diligência profissional da mesma foi no dia 16 de outubro, no Pleno do Tribunal Regional do Trabalho onde acompanhou seu sócio em uma defesa oral de um processo trabalhista.

Renata com seu sócio e primo, Gláuber Silva

Renata Vérica era filha de Walter Antônio da Silva (empregado público da AGESPISA) e de Maria Cleidivan da Silva Sousa. Deixa um único irmão, o farmacêutico Rennan Wálter, que é bioquímo das Farmácias Globo e assessor do Conselho Regional de Farmácia – CRF.

Etiquetas
Botão Voltar ao topo
Fechar
Publicidade