ad16
AutoPECASonline24.pt
CidadeGeral

Jovens alcoolizados são as maiores vítimas do trânsito em Picos

Rosa Dantas, coordenadora de enfermagem do Samu de Picos
Rosa Dantas, coordenadora de enfermagem do Samu de Picos

A Coordenadora de enfermagem do Samu de Picos falou ao Riachaonet sobre a campanha do Ministério Público Pela Paz no Trânsito e Em Defesa da Vida e declarou que os jovens alcoolizados conduzindo motocicletas são as maiores vítimas de acidentes fatais no trânsito picoense.

De acordo com Rosa Dantas, apenas em 2010 foram 183 acidentes envolvendo motociclistas sem capacete nas rodovias que cortam o município. Se comparadas ao número de acidentes envolvendo motociclistas que utilizaram capacete, as estatísticas são ainda mais graves: apenas 73 vítimas estavam com o acessório de segurança no momento do acidente. Os dados são do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência de Picos e se referem apenas aos atendimentos prestados pela Unidade Móvel Avançada em 2010.

Levando em consideração os dados coletados e também o número de ocorrências diárias envolvendo acidentes de trânsito, Rosa considera a campanha uma forma importante de conscientizar a população sobre a importância da segurança no trânsito. “Essa campanha é de fundamental importância para sensibilizar os condutores sobre a importância do uso do capacete, cinto de segurança, regras do trânsito e também sensibilizar as pessoas sobre a gravidade das estatísticas da nossa cidade”, declara.

A equipe do Samu de Picos participará ativamente da campanha através da realização de palestras nas escolas do município e também de panfletagem e simulações dos procedimentos realizados pela equipe no caso de acidentes de trânsito. Sobre o assunto, a coordenadora destaca que os jovens são o público alvo por serem as maiores vítimas potenciais do trânsito na cidade. “Jovens alcoolizados e conduzindo motocicletas sem capacete são as maiores vitimas de acidentes fatais na nossa cidade”, explica.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade