ad16
GeralMunicípiosSimõesTodas as Notícias

Lançamento do projeto Ventos do Araripe acontecerá amanhã na zona rural de Simões

Energia Eólica
Energia Eólica

Da Redação

O Piauí é referência nacional em energia eólica. Esta é a previsão de empresas do setor. Somente nos municípios de Curral Novo, Caldeirão Grande, Simões, Marcolândia, Padre Marcos e Betânia, os investimentos diretos ultrapassarão os R$ 5,2 bilhões até 2015.

Nos três últimos anos, o Governo do Estado tem investido muito na produção de energia renovável. Em pouco tempo, o Piauí se tornará uma potência nessa área. É visando o crescimento que amanhã, sábado, acontecerá o lançamento do projeto do Parque Eólico Ventos do Araripe, na zona rural de Simões. O evento terá início às 10 horas da manhã.

O Complexo Eólico da Chapada do Araripe produzirá 1.300 Mega Watts de energia. As empresas responsáveis por gerar energia na região são: Casa dos Ventos, Queiroz Galvão, Chesf e Control Global.

Além disso, a instalação do parque eólico vai gerar cerca de 3 mil empregos diretos, na fase de instalação. Para o secretário de Mineração, Petróleo e Energias Renováveis, deputado Edson Ferreira, depois da implantação do complexo, o Piauí passará por uma verdadeira revolução.

“Assim como aconteceu em outros estados, a nossa região será transformada com a instalação desse complexo. Só nele produziremos mais energia do que é produzido no total pela barragem de Boa Esperança, que responde pela produção de 237 Mega Watts. Esse investimento provocará uma verdadeira revolução no setor econômico e energético do Piauí”.

Também será construída na região da Chapada do Araripe, uma subestação, avaliada em R$ 150 milhões no município de Curral Novo. A subestação vai aproveitar a linha de transmissão que liga Colinas, em Tocantins a Milagres, no Ceará, para coletar a energia gerada nos Parques Eólicos do Piauí e jogar na rede do Sistema Interligado Nacional.

Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Também

Publicidade