ad16
EntretenimentoTodas as Notícias

Marisa Monte, Arnaldo Antunes, Zeca Baleiro e mais artistas fazem live em prol de comunidades da Serra da Capivara, no Piauí

Os recursos arrecadados durante o evento serão destinados ao término das obras de um centro comunitário em uma comunidade quilombola e à construção de um museu na comunidade Novo Zabelê.

Marisa Monte, Arnaldo Antunes, Zeca Baleiro e outros artistas se apresentam neste domingo (15) às 16h no festival de música online Piauifest. A livevai arrecadar fundos para as comunidades da região da Serra da Capivara, no município de São Raimundo Nonato, Sul do Piauí.

Segundo Laura Kotscho, vice-presidente do projeto Veredas, responsável pelo evento, os recursos arrecadados nesta edição, que é a 5ª do festival, ajudarão a concluir a obra de um centro comunitário com biblioteca e cozinha na comunidade quilombola Lagoa das Emas, e a construir o Museu da comunidade Novo Zabelê.

Foto: Divulgação Projeto Veredas

“Nós do projeto dialogamos sempre com os líderes das comunidades para saber de que forma podemos ajudar a comunidade. Então assim nasceu o Piauifest, em 2017. Nesses quatro anos de festival, ajudamos mais de 2 mil pessoas na região da Serra da Capivara, e iniciamos obras importantes para a população. Com essa 5° edição, esperamos concluir o Centro Comunitário e o Museu”, contou Laura.

Contrução do Centro Comunitário na comunidade quilombola Lagoa das Emas, região da Serra da Capivara no PI — Foto: Divulgação Projeto Veredas
Construção do Centro Comunitário na comunidade quilombola Lagoa das Emas, região da Serra da Capivara no PI — Foto: Divulgação Projeto Veredas

live será dividida em dois blocos: os artistas do primeiro bloco se apresentarão no palco do Teatro Santa Cruz, em São Paulo (SP). Já os cantores do segundo bloco vão transmitir suas apresentações direto de suas casas e/ou estúdios. O evento será exibido através do canal do YouTube do projeto Veredas.

As atrações do segundo bloco do festival conta com nomes reconhecidos nacionalmente. São eles: Arnaldo Antunes, Leo Quintella, o Grilo, Zeca baleiro, Palavra Cantada, Mallu Magalhães e Marisa Monte.

Confira as atrações do bloco um, repleta de artistas locais e até estudantes da capital paulista:

  • Richard Timoner
  • Clara Ito
  • Clara Kalil
  • Joaquim Bueno
  • Gabi Chiofetti
  • Maria Bianchi
  • André Vessoni e Maria Freitas
  • Antonio Bourgeois
  • Banda P.r.i.o
  • Jô Lencioni
  • Nina Schaeffer –
  • Banda Mestre Sagu
  • Manu Freire
  • Canto da Quina
  • Marina Miranda
  • Bel Kotscho
  • Chico Mieli
  • Dora Adib
  • Luli Schmitt
  • Jiij VS The Machine
  • Banda Terabytes
  • Banda Pseudo
  • Banda Quadriciclo
  • Julia França e Maria Clara
  • Anteníferos
  • Banda OZ

No ano de 2020, na 4° edição do festival, que por conta da pandemia da Covid-19 aconteceu em formato virtual, o projeto Veredas arrecadou cerca de R$ 84 mil em doações e dinheiro. Durante a live, um código QR será disponibilizado para receber as doações e o projeto lançará produtos, com lucro destinado inteiramente para as comunidades.

A líder comunitária da comunidade Novo Zabelê, Maíra Alves, contou ao G1 que o Piauifest é um evento de grande ajuda para toda a população na região da Serra da Capivara.

“O festival, o Piauifest é um sucesso e é uma obra grandiosa aqui para gente porque ajuda o entorno da Serra da Capivara e se torna uma renda significativa para gente” disse a moradora.

Projeto Veredas

Comunidade quilombola lagoa das Emas, auxiliada pelo Projeto Veredas, em São Raimundo Nonato no PI — Foto: Divulgação Projeto Veredas
Comunidade quilombola lagoa das Emas, auxiliada pelo Projeto Veredas, em São Raimundo Nonato no PI — Foto: Divulgação Projeto Veredas

O projeto Veredas nasceu em 2017 após um passeio escolar de estudantes do 9° ano do ensino fundamental de uma escola da rede privada de São Paulo (SP) à Serra da Capivara, em São Raimundo Nonato, Sul do Piauí. Esses alunos tiveram a iniciativa de ajudar economicamente as comunidades no entorno do ponto turístico piauiense.

“Nós, alunos da época, vimos que o povo das comunidades tinham vários sonhos e pensamos: poxa, será se a gente não pode fazer nada pra ajudar eles a realizarem esses sonhos?”, explica Laura Kotscho.

Então, o grupo voltou para São Paulo e começou a articular, como os líderes das comunidades, formas de ajudar. E assim nasceu o Pojeto Veredas.

Os sonhos da comunidade, segundo Laura, eram a construção de um centro comunitário onde as pessoas pudessem praticar capoeira, ter uma biblioteca, computadores e uma cozinha comunitária. O festival de música foi criando para realizar esses sonhos, e o dinheiro arrecadado foi 100% destinado às obras.

O projeto também trabalha em conjunto com o Instituto Olho d’Água, uma instituição local que promove ações para valorizar a memória e o patrimônio cultural da comunidade. A parceria com o Instituto permitiu a dezenas de crianças em situação de vulnerabilidade social o acesso a aulas e oficinas socioeducativas.

Cartão de auxilia alimentação disponibilizado pelo Projeto Veredas para comunidades da Serra da Capivara no Piauí — Foto: Divulgação Projeto Veredas
Cartão de auxilia alimentação disponibilizado pelo Projeto Veredas para comunidades da Serra da Capivara no Piauí — Foto: Divulgação Projeto Veredas

Ao longo dos anos, o Projeto Veredas foi sendo apoiado por cada vez mais pessoas e, por meio do festival, conseguiu iniciar as obras na comunidade. Uma das delegações do projeto é a arrecadação mensal de cestas básicas para os moradores dessa comunidade, como explica a líder comunitária Maíra Alves.

“É um projeto de jovens, estudantes, que poderiam estar viajando para tantos outros lugares, mas eles escolheram abraçar a Serra da Capivara e se apaixonaram por aqui. Só aqui na comunidade a gente tem 57 famílias munidas de cartões que todo mês o projeto deposita um valor para alimentação, que a gente compra em comércio local, mesmo, fortalecendo nossa economia”, contou Maíra.

As doações que serão arrecadadas durante a live do Piaufest também servirão para a manutenção dos cartões com vales alimentícios para as comunidade. Ao todo o projeto ajuda diretamente 2 mil pessoas. No segundo semestre de 2020, o Projeto Veredas recebeu um apoio da Embaixada Francesa que o possibilitou apoiar mais 400 famílias por um semestre com despesas de alimentação e higiene.

G1 PI

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade