ad16
AutoPECASonline24.pt
DestaquesGeral

Mesmo com aumento de jet skis apenas um acidente foi registrado em Bocaina no último ano

Jet
Barragem de Bocaina está segura com a fiscalização dos bombeiros. Foto: Meio Norte

Nos últimos tempos muito se tem noticiado sobre acidentes envolvendo veículos usados na água, principalmente jet skis. Há mais de um ano o Corpo de Bombeiros de Picos realiza a fiscalização da Barragem de Bocaina para coibir excessos e prevenir acidentes. A tenente Ana Cléia Diniz Santos informa que desde o início do trabalho percebeu um aumento do uso de embarcações, mas no último ano foi registrado apenas um acidente envolvendo embarcações.

“Hoje nós já vemos umas três embarcações, daquelas grandes e um número razoável pelo menos 10 jet skis, principalmente no domingo que é quando temos mais atenção, pois aumenta o número de pessoas”, informou.

A tenente informa que também passou a haver uma atenção maior por parte dos banhistas e condutores de veículos. “Em Bocaina as pessoas estão bem atentas com relação à segurança e há mais de um ano trabalhamos na barragem e o nosso foco é esse, embarcação e banhistas. São filhos aqui da cidade e estamos sempre conversando com eles”, comentou.

Após o estabelecimento da unidade em Picos as brigas ente banhistas e condutores de jet skis e lanchas se extinguiu. “Diminuiu 100% o número de acidentes desde que os bombeiros chegaram lá”, explicou. As áreas reservadas para banhistas são delimitadas por boias e os bombeiros informam quais os limites e o que é e não é permitido.

Para pilotar uma lancha e um jet ski na barragem de Bocaina é necessário possuir a Arrais Amador, já que a responsabilidade é a mesma de uma pessoa que dirige um automóvel ou pilota uma motocicleta. O único acidente verificado em 2011 envolveu dois jet skis. Um veículos rebocava o outro. O jovem do segundo jet ski caiu e se machucou, mas foi socorrido e não sofreu ferimentos maiores.

Um Comentário

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade