ad16
GeralTodas as Notícias

Metereologia faz alerta para grandes temporais na região de Picos

O Centro de previsões do Inmet em Recife emitiu, na manhã de hoje (15), um alerta para a possibilidade de grandes temporais em grande parte do nordeste, em particular a região semiárida. A mudança é decorrente de uma possível mudança de padrão no tempo que pode resultar em chuvas de grande intensidade inclusive para região de Picos.

“Deixamos um alerta para as pessoas, inclusive de Picos, que aquelas que moram em áreas de risco e de alagamentos que tenham um certo cuidado. Se estas previsões se confirmarem pode acontecer algumas destruições”, disse o coordenador do INMET em Picos, Eugênio Lopes.

Metereologia alerta para temporais na região

De acordo com o meteorologista, as ocorrências de chuvas de intensidade fracas e moderadas que tem ocorrido desde o período carnavalesco já pode ser um reflexo desta mudança. “Comumente uma mudança como esta, que deixa muita umidade, não desaparece de um dia para outro, podem durar de oito a dez dias”, explicou Eugênio.

Ainda em janeiro, o órgão responsável pelas previsões meteorológicas informou que haveria um inverno dentro da normalidade por conta do afastamento do fenômeno El Niño o que resultou em chuvas bem distribuídas principalmente na primeira quinzena de janeiro. “Na segunda quinzena de janeiro tivemos uma pequena estiagem e agora em fevereiro volta a chover e a gente espera que estas previsões venham a se confirmar trazendo aquelas chuvas que sejam satisfatórias a todas as necessidades da agricultura, pecuária, apicultura e evidentemente ao suprimento dos reservatórios de água que estão necessitando bastante”, finaliza o coordenador.

Eugênio Lopes – Foto: Reprodução
Eugênio Lopes – Foto: Reprodução

Confira o texto na íntegra:

MUDANÇA DE PADRÃO NO HEMISFÉRIO NORTE (Anticiclone do Atlântico Norte) COM REFLEXOS PARA O NORDESTE DO BRASIL já agora nos próximos dias provocará perturbações de grande escala sobre as latitudes médias do hemisfério norte irão alterar a posição e intensidade da Alta dos Açores sobre o Atlântico Norte nos próximos dias. A umidade destes ventos interage com a umidade proveniente da evapotranspiração da floresta, sendo um suprimento fundamental para as chuvas e trovoadas no norte da REGIÃO.

Desta vez não só o interior do Brasil seria beneficiado, mas também a região nordeste, incluindo o sertão. Com os alísios de nordeste fortalecidos, ocorrerá um deslocamento relativo da ZCIT para sul, além do incremento da convecção ao longo dela.

Um outro fator importante de ser comentado é que isso acontecerá ao mesmo tempo em que a borda de um VCAN estará sobre a região. A interação desses processos poderá fornecer ingredientes com potencial para fortes trovoadas.

Fonte: INMET CLIMATEMPO

LER MATÉRIA COMPLETA

Leia Também