ad16
AutoPECASonline24.pt
https://ead.uninta.edu.br/
DestaquesGeralPolícia

Mulher é morta com 29 golpes de facão e filho é ferido ao tentar impedir assassinato

O gesseiro identificado como José Antônio de Oliveira está sendo procurado pela polícia suspeito de assassinar a ex-esposa Ana Paula Nobre com 29 golpes de facão. O crime ocorreu na madrugada deste domingo (08), na cidade de Colônia do Piauí, distante 24 km do município de Oeiras. De acordo com informações apuradas no local, o filho da vítima-João Victor, 18 anos- foi esfaqueado na perna ao tentar impedir que a mãe fosse morta. Mesmo ferido, ele ainda empreendeu fuga atrás do agressor, mas não conseguiu capturá-lo.

“O suspeito estava fora do Estado e voltou para o Piauí há menos de uma semana. Ela estava dormindo em casa com a filha de 13 anos e o filho de 18 anos. O acusado tinha passado a madrugada bebendo em um bar e, em seguida, invadiu a casa, indo direto para o quarto, onde desferiu os golpes de facão na vítima, que não teve chances de se defender. Ele ainda deixou o facão cravado no corpo dela, que estava com as vísceras expostas. Um crime muito bárbaro”, explica o delegado regional de Oeira, Paulo César.

Ana Paula Nobre foi assassinada enquanto dormia - Foto: Folho de Oeiras
Ana Paula Nobre foi assassinada enquanto dormia – Foto: Folho de Oeiras

O filho da vítima está internado no Hospital Deolindo Couto e passa bem.  Além dele, a irmã de 13 anos também será ouvida pela Polícia Civil. Testemunhas informaram que vítima e acusado estavam separados há algum tempo, mas o suspeito nunca aceitou o fim do relacionamento.

f9b882d6533c0eea50ec3dc1f96809b4

O delegado Paulo César destaca que o crime é caracterizado como Feminicídio, homícidio qualificado por razões do gênero feminino, com relação doméstico familiar.

“O crime é considerado feminicídio majorado, com pena prevista de 12 a 30 anos, ainda podendo ser elevada para mais um terço ou metade, porque foi praticado na presença dos filhos”, reitera o delegado. Equipes das polícias Civil e Militar estão em diligência desde a madrugada.

FONTE: Cidade Verde

FOTOS: Folha de Oeiras

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade