ad16
DestaquesGeralTodas as Notícias

Mulheres em vulnerabilidade social são beneficiadas com cursos profissionalizantes em Picos

Os cursos são ofertados pelos projetos "Nossa Voz" e "Viver sem medo - gerando oportunidades", apoiados, respectivamente, pelo Banco Itaú e Magazine Luiza.

Os projetos “Nossa Voz” e “Viver sem medo – gerando oportunidades”, organizados, em Picos, pelo Fórum Nacional de Travestis e Transexuais Negras e Negros têm possibilitado a profissionalização de mulheres picoenses em vulnerabilidade social.

Os projetos, que são financiados pelo Banco Itaú e Magazine Luiza, respectivamente, ofertam cursos de manicure, pedicure, design de unhas, cabelereira e maquiadora, segundo informou a diretora do Fonatrans de Picos, Jovanna Baby.

Jovanna Baby

“Recentemente acabamos de formar uma turma de 20 mulheres e agora elas receberão os kits com todos os equipamentos para iniciarem o trabalho, pois a nossa proposta é que iniciem de imediato o trabalho nessa profissão alternativa. Temos como um dos objetivos o combate à crise financeira, assim como prevenir e diminuir a vulnerabilidade de muitas mulheres”, disse ela.

No próximo mês uma nova turma de manicure será iniciada, mas a quantidade de vagas foi preenchida. Contudo, Jovanna Baby informou que no mês de fevereiro serão disponibilizados os demais cursos, os quais ainda não foram preenchidos.

O projeto é totalmente gratuito e só há duas exigências: que as alunas não faltem às aulas e que elas aprendam sobre seus próprios direitos.

“A prova de admissão é com relação aos direitos da mulher, e a prova final também. É uma dobradinha de autoconhecimento de seus direitos e profissionalização”, falou Jovanna.

As mulheres interessadas devem procurar a sede do Fonatrans, na Rua 3 de Maio, nº 906. A casa é na cor lilás.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.