ad16
Geral

Mulheres realizam caminhada e protestam contra fim da violência em Picos

[ad#336×280]Sob a organização da União das Mulheres Piauienses, núcleo de Picos, (UMP), as mulheres picoenses realizaram na manhã desta sexta-feira (8) nas ruas da cidade de Picos uma caminhada em protesto ao fim da violência contra a mulher na cidade.

O protesto teve início na Delegacia da Mulher em seguida percorreram as principais vias da cidade, cantando músicas de protesto e cartazes com frases pedindo o fim da violência. O ato foi finalizado na sede do Fórum de Picos. Lá uma comissão da UMP se reuniu com representantes da justiça para tratar de assuntos referentes à violência contra a mulher.

Segundo Teresa Wenzel umas coordenadoras das mulheres, o objetivo da caminhada é cobrar das autoridades mais empenho para  diminuição a violência contra mulher, bem como também comemorar pelas conquistas da mulher nos últimos anos.

De acordo com a professora Paula Adaci, a violência contra a mulher está enraizada na forma como a sociedade se organiza. Ela também lamenta que a lei Maria da Penha não tenha ainda se transformada em uma ferramenta que combata e diminua os altos índices de violência contra mulher. “Muitos casos de violência ainda estão impune, então essa impunidade fazem com que sigam ocorrendo esses casos de violência já que ninguém é punido”, lamenta.

Cruzes em protesto a violência cotra a mulher-Foto: Marta Soares
Cruzes em protesto a violência cotra a mulher-Foto: Marta Soares

Ela também destaca as conquistas da mulher nos últimos anos, como no direito, na cultura, oportunidade de morar e Lei Maria da Penha. No entanto, ela frisa que a luta feminista no mundo ainda precisa avançar e conquistar muitas outras coisas.

Ainda nesta sexta haverá uma sessão solene na Câmara Municipal de Picos para homenagear as mulheres picoenses.

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade