ad16
DestaquesEducaçãoTodas as Notícias

Número de detentos inscritos no Enem 2021 cresce 60% no Piauí

As provas estão previstas para acontecer nos dias 11 e 12 de janeiro de 2022.

Segundo a Secretaria de Justiça do Piauí (Sejus), 1.090 detentos e detentas se inscreveram no Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade 2021 (Enem PPL). O número é 60,3% maior do que o de inscritos em 2020, que foi 680. As provas estão previstas para acontecer nos dias 11 e 12 de janeiro de 2022.

“A cada ano observamos a busca dos internos para a adesão do certame, não só pela remição de pena, mas também pela oportunidade de inserção ao ensino superior. Temos muitos exemplos de ex-detentos que se ressocializaram, conseguiram vagas em universidades e estão vivendo uma nova vida”, contou a coordenadora de educação prisional da Sejus, Jussyara Valente.

Enem PPL — Foto: Divulgação / Depen

A prova do Enem PPL possui um grau de dificuldade semelhante ao Enem regular. Durante todo o ano, os reeducandos participam de revisões realizadas nas 17 penitenciárias do Piauí. As revisões acontecem através de parceria entre a Sejus e Secretaria de Educação (Seduc). No Exame, a cada 450 pontos obtidos, o reeducando ganha o direito a 100 dias de remição de pena.

Além do Enem PPL, também são ofertados outros programas de educação e profissionalização no sistema prisional. Um destes programas, é o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos para Pessoas Privadas de Liberdade (Encceja PPL).

G1 PI

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade