ad16
AutoPECASonline24.pt
CidadeDestaquesPolícia

Operação: 16 presos e Polícia encontra “agenda do tráfico”.

Coletiva em Teresina – Foto: CidadeVerde

A Polícia Civil do Piauí confirmou em coletiva que 16 pessoas foram presas na operação deflagrada na manhã de hoje no município de Picos. Entre os detidos estão empresários, vereador e marido de secretária municipal. Com aval da justiça, os policiais sequestram bens e contas bancárias. Um armazém foi encontrado com medicamentos supostamente desviados de hospitais públicos.

Os delegados da Polícia Civil, Samuel Silveira, titular da Delegacia de Entorpecentes, e Tiago Dias, da Cico, informaram que durante os trabalhos da operação Segor encontraram uma “agenda do tráfico”, que detalhava operações ilegais na região de Picos e que um dos presos, identificado como Raimundinho do Frango, já havia sido relacionado à operação Praga de Justiniano, deflagrada em Oeiras em novembro de 2011.

“Fomos procurados para investigarmos uma série de homicídios que acontecia em Picos. Acabamos encontrando uma relação com o crime organizado. Ao investigar o homicídio, chegamos ao tráfico e a pessoas importantes que estavam ligadas ao tráfico de drogas. Chegamos a prender a maior pessoa responsável pelo tráfico em Picos”, declarou Silveira.
Segundo o delegado, entre os criminosos estão empresários e pessoas que vivivam apenas do tráfico, da pistolagem e do roubo de cargas. Foram emitidos 22 mandados de prisão, dos quais 16 foram cumpridos em sete municípios do centro-sul piauiense. Em Picos estaria o eixo central desta cadeia de crimes.

“Este é o inquérito mais completo que já fizemos em relação ao número de provas. Apreendemos uma agenda em que constava todo esse processo de venda e consumo. São pessoas que tem posses que adquiriram bens com o tráfico”, acrescenta.

O delegado Thiago Dias informou que o líder do bando é um homem conhecido como Antonio de Marques, que seria casado com a secretária de saúde de São João da Canabrava e proprietário da revendedora de veículos, Antonio Marques Corretora, no centro de Picos.

“Existe um fio que liga esta operação à operação de Oeiras na medida em que o ‘Raimundo do Frango’ foi preso na Praga de Justiniano e teve a prisão decretada nessa também. Ele abastecia a região de Oeiras e também de Picos”, informa o delegado. A droga vinha dos estados de Pernambuco e São Paulo.

Teresina
O farmacêutico Francisco das Chagas, o Chaguinha, que é fiscal do lixão no bairro Altamira, em Picos, foi preso em Teresina por venda ilegal de medicamentos. A prisão aconteceu dentro do cumprimento de mandados da Operação Segor. Caixas de medicamentos foram apreendidas no município do sul do Estado, que seriam exclusivas de uso hospitalar e que são proibidos de serem comercializados.

A prisão realizada em Teresina, na operação Segor, foi relacionada aos medicamentos apreendidos no povoado Altamira, há onze quilômetros de Picos. Os medicamentos de uso restrito a hospitais não poderia ser comercializado.

Material apreendido
A operação Segor deu cumprimento a 28 mandados de busca e apreensão expedidos pelo juiz da 4ª Vara de Picos. Foram apreendidos 9 mil comprimidos de Diazepan, seis armas entre rifles e pistolas, R$ 10 mil em espécie, cheque e notas promissórias, 4 veículos, um Jet Sky, balanças de precisão e drogas (maconha, crack e principalmente cocaína) com peso ainda não definido.

Imóveis sequestrados
Ao todo, 8 imóveis foram sequestrados até o momento e duas contas bancárias bloqueadas. Os imóveis foram: um comércio de alimentos, uma revenda de motos, um restaurante, um prédio em construção que serias dedicado a umcomércio, um hotel e dois clubes.

Foragidos
A polícia civil ainda procura Gonçalo Francisco dos Santos, 43 anos, estaria envolvido na morte de um agente penitenciário em 2009; Francisco Manoel da Silva, 38 anos, teria assassinado um casal na cidade de Picos; Domingos de Oliveira Rodrigues, 29 anos, teria vínculo com prisões realizadas no Estado de Alagoas.

O delegado geral da Civil, James Guerra, afirmou que as prisões são temporárias. “Mas acreditamos que outras prisão serão realizadas em questão de tempo. Eles estão presos para que possamos obter mais provas e serão responsabilizados também por lavagem de dinheiro”, disse.

O delegado estima que aproximadamente R$ 3 milhões em bens foram apreendidos durante essa operação. A lista completa dos presos e foragidos ainda será divulgada pela Polícia nesta quinta-feira.

NOMES DOS ACUSADOS PRESOS NA OPERAÇÃO

Vanderlar Alves Vitor
Raimundo José da Silva (Raimundinho do Frango)
Abdias Morais e Silva Neto
Alyson Barbosa da Silva (Maninho)
José Fontes Caminha (Gadinho)
Domingos de Oliveira Rodrigues
Lêoncio Pinheiro Neto (Neto)
Samuel Pontes de Aguiar
Francisco das Chagas Moura Santos (Chaguinha)
James Rodrigues Lacerda (Japinha)
Francisco Manoel da Silva (Cuturil)
Gonçalo Francisco dos Santos
Joel marques Cardoso
Hidelnércio Costa Santos
Wanderley Vidal Da Silva
Francisco Sales Sousa
Luis Alves De Sousa
André Das Chagas Carneiro
Aldison Dos Santos Silva
Raimundo Da Silva Neto
Horgiel Milton De Sousa

Fonte: CidadeVerde

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade