ad16
Geral

Órgãos de trânsito vão fiscalizar grau de visibilidade nas películas fumês

[ad#336×280]Os órgãos de trânsito do Piauí vão fiscalizar o grau de visibilidade das películas fumês dos veículos que trafegam no estado. Em Teresina, basta passar pelas ruas e avenidas para perceber que é difícil encontrar um carro sem as películas escuras nos vidros.

Segundo o inspetor da Polícia Rodoviária Federal Raimundo Rameiro, é importante ficar atento às normas do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

“A multa para quem desrespeitar a lei é de R$ 127, além do condutor perder pontos na carteira de motorista. Em 2012, foram mais de 500 veículos notificados por esta irregularidade, já em 2013 o número dobrou e foram mais de mil notificações”, informou o inspetor.

Posto da PRF em Picos - Foto: Divulgação
Posto da PRF em Picos – Foto: Divulgação

Ainda de acordo com Rameiro, as regras para o uso dessas películas existem desde 2007. “Muitos não seguem as normas que estabelecem uma porcentagem para que o motorista não perca a visibilidade ao dirigir. São regras que existem a muito tempo”, disse.

De acordo com Rafael Nôleto, gerente de uma empresa que faz aplicação de películas, o vidro para-brisa deve ficar com 75% de sua visibilidade, os laterais com até 70% e o traseiro 72%. “Apesar de alertamos os clientes sobre as normas, muitos insistem em burlar as leis e pedem os adesivos falsos nas películas mais escuras”, afirma Nôleto.

Fonte: G1

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade