ad16
AutoPECASonline24.pt
Geral

Parada da Igualdade de Picos é antecipada para julho

A Parada da Igualdade de Picos já é um evento consolidado no município. Parte do calendário oficial de eventos locais, a manifestação arregimenta centenas de pessoas a cada ano.

De acordo com a coordenadora de Direitos Humanos e Livre Orientação Sexual picoense, Jovana Cardoso, o motivo central para a antecipação do evento, diz respeito ao processo de eleições municipais em mesmo período, podendo gerar algum tipo de conflito.

“Tivemos uma reunião com o prefeito Pe. Walmir Lima e Maria Santana, onde observamos que o período eleitoral colide com a Parada da Igualdade. Pensando nessa possibilidade, queremos evitar principalmente que políticos oportunistas invadam nosso espaço atrás de voto”, esclarece.

7ª Parada da Igualdade-Foto: Wilson Mendes

A antecipação da Parada da Igualdade será para o último domingo do mês de julho. Será a 14ª Parada da Igualdade de Picos. Ano passado, de acordo com a organização, cerca de 18 mil pessoas participaram da referida manifestação cultural.

Parceria com o município

A Parada da Igualdade é desenvolvida em parceria com a Coordenadoria de Direitos Humanos e a Prefeitura de Picos. O evento já acontece há 13 anos e integra o calendário oficial de realizações culturais do município.

Consolidada, a referida manifestação cultural, em seu ápice, se tornou referência para o Nordeste do país como a maior festa LGBT dos municípios.

Programação oficial

A Parada da Igualdade tem calendário de eventos bastante distinto. De início, a manifestação reserva três dias de discussão sobre os mais variados temas envolvendo o público LGBT, é a chamada Jornada Nordestina de Cidadania Plena LGBT.

O evento, em todo o seu ciclo, promove palestras e discussões sobre variados assuntos, reunindo participantes de todo país. A sua culminância ocorre com carreata e festa no Centro de Picos.

CCOM/ Roberto Oliveira

Etiquetas
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui