ad16
AutoPECASonline24.pt
https://ead.uninta.edu.br/
Geral

PI cresce em estupro e suicídio, mas segue entre mais seguros

O Fórum Brasileiro de Segurança Pública divulgou nesta terça-feira (5) a sétima edição do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, que reúne dados sobre a violência em todos os estados do País. O Piauí chama a atenção por elevação nos índices de estupro, latrocínio e suicídio, ainda que se mantenha entre as unidades federativas menos violentas.
O estudo usa dados do Sistema Nacional de Estatísticas em Segurança Pública e Justiça Criminal e separa os estados de acordo com a qualidade dos dados enviados. O Piauí está no Grupo 2, com baixa qualidade e alimenta dos dados, mas alimentação adequada do SINESPJC.
De acordo com o levantamento, os casos de estupro quase dobraram no Piauí. Foram dos 238 em 2011 para 442 em 2012. A taxa de violência que era de 7,6 para cada 100 mil habitantes chegou a 14. Ainda assim, é a quarta menor do País. Já as tentativas de estupro passaram de 69 para 103 casos.
Foram registrados ainda 77 casos de suicídio em 2012, número superior aos 44 do ano anterior. A taxa de 2,2 casos por 100 mil habitantes é a sétima menor do País.
O número de latrocínios subiu de 4 em 2011 para 20 no ano seguinte, uma alta de 396,8%, a maior entre todos os estados do Brasil. Ainda assim, isso representa uma taxa de 0,6 roubos seguidos de morte por cada grupo de 100 mil habitantes, o quarto mais baixo do País.
Os homicídios dolosos passaram de 341 em 2011 para 479 em 2012, um crescimento de 39,6%. O Piauí está entre os sete estados com alta acima de 10% nesse quesito. A taxa atual é de 15,2 homicídios por 100 mil habitantes, a sexta menor do Brasil.
Fonte: Cidade Verde

 

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade