ad16
GeralTodas as Notícias

Piauí amplia oferta de ensino Médio de tempo integral

Piauí conta com 96 Centros Estaduais de Tempo Integral, localizados em 50 municípios

Com uma longa história na educação pública do município de Oeiras, o Centro Estadual de Tempo Integral (Ceti) Farmacêutico João Carvalho vem passando desde 2020 pelo processo de implementação do Ensino Médio Integral. Essa e outras 95 escolas estaduais do Piauí ofertarão em 2022 educação nesse regime que proporciona ao estudante mais tempo na escola e mais possibilidades de aprendizado.

Nas escolas em que o tempo integral está em implantação, o processo se inicia com as turmas 1ª série, passando pelas turmas de 2ª série no ano seguinte, finalizando com as de 3ª série. Em 2022 também ocorre a implementação do novo currículo do Ensino Médio.

A diretora do Ceti Farmacêutico João Carvalho, Daniele Savana, destaca que a instituição de ensino completa 56 anos e já protagonizou várias fases de uma educação de qualidade sempre voltada para o bem-estar dos seus estudantes e servidores, como ofertar um ensino-aprendizagem de excelência, procurando preparar o estudante para ser um cidadão atuante na sociedade.

“O regime de ensino de tempo integral possibilita à escola a obtenção de maiores recursos a serem destinados para proporcionar melhores condições e promover uma educação cada vez mais eficiente. Assim como possibilita à escola promover uma educação com uma metodologia que busca desenvolver o estudante em diversos aspectos. A escola tem o papel de propiciar um processo de ensino e aprendizagem visando não apenas o desenvolvimento cognitivo, mas também o social, o físico e o afetivo do estudante e de todos os atores envolvidos na educação”, afirma a diretora.

A Secretaria do Estado da Educação (Seduc) trará em 2022 a oferta de Educação em Tempo Integral no Piauí em 96 escola, sendo 35 escolas com custeio do Tesouro do Estado e mais 61 unidades custeadas pelo fomento via governo federal. São 26 mil vagas destinadas para matrículas do ano letivo de 2022 em todo o Estado.

Com a implantação do sistema, as escolas receberão investimentos visando construção de novas instalações, intervenções para ampliação da área construída, como laboratórios, bibliotecas ou quadras de esporte, bem como podem ser usados para aquisição de equipamentos e bens visando adequações a ampliação da jornada escolar de forma integral pelo estudante.

Além das intervenções físicas, a Seduc vem realizando atividades de formação continuada aos professores, como o encontro Seminário Estadual de Avaliação e Planejamento dos Centros Estaduais de Tempo Integral de Ensino Médio que trouxe debates sobre os desafios e possibilidades e a promoção das Práticas Pedagógicas Inovadoras.

Á frente da coordenação das escolas de tempo integral, Alberto Machado, que também já dirigiu o Ceti Didácio Silva, ressalta que a Seduc realiza o trabalho de visitas às escolas selecionadas para adesão.

“Quando conseguimos contemplar a adesão de novas escolas é um ganho enorme para a educação, pois a Seduc procura ter uma política educacional com maior assistência estudantil, estimular o protagonismo juvenil e ainda melhorias na estruturas das escolas, todas previstas na escola de tempo integral e a prova disso são os resultados vistos no Enem, por exemplo”, pontua.

O coordenador explica que nesta etapa, a Seduc realiza uma conversa com a gestão, professores e comunidade escolar tirando dúvidas sobre as adequações ao regime.

“A receptividade por parte das escolas que passaram a aderir ao regime de tempo integral é muito positiva, pois há gestores que já desejam aderir e, vejo que há algo muito bom para os nossos estudantes com a ampliação da oferta na rede pública, pois sabemos que quanto maior o tempo os alunos passam na escola, melhores resultados eles terão”, reforça.

Piauí conta com 96 Centros Estaduais de Tempo Integral, localizados em 50 municípios

Hoje a rede pública estadual do Piauí conta com 96 Centros Estaduais de Tempo Integral, localizados em 50 municípios, sendo eles 70 de Ensino Médio, 12 de Fundamental e Médio, 08 apenas de Ensino Fundamental e 06 de Educação Profissional.

A carga horária em Regime de Tempo Integral é de jornada diária de 08 (oito) horas, com a hora aula de 60 minutos, totalizando 40 horas aulas semanais. Uma hora para o almoço e dois  intervalos para lanche.

A oferta de Itinerários Formativos se dá com disciplinas eletivas, de acordo com a necessidade de cada escola, dentre elas robótica, esporte, dança, pintura, e programas voltados para o ENEM. Há também, a partir de 2022, projeto de vida e protagonismo estudantil.

Dentre as atividades integradoras destaca-se o Estudo Orientado, Seminários Integradores e Projetos Pedagógicos Interdisciplinares.

Os maiores índices alcançados dentro da rede no SAEPI e SAEB são das escolas de Tempo Integral. Também as maiores notas na redação do Enem e os melhores desempenhos na OBMEP, dentre outras Olimpíadas.

“Hoje temos mais de 26 mil estudantes matriculados em tempo integral. Também temos os estudos para implantar mais 30 novas escolas futuramente”, finaliza Alberto Machado.

Fonte: CCOM-PI

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.