ad16
GeralTodas as Notícias

Piauí registra 30 óbitos e mais de 1.500 novos casos em 24h

Os casos confirmados no estado somam 212.348 distribuídos em todos os município.

O estado do Piauí registrou o total de 30 óbitos e 1.505 novos casos da covid-19 nesta segunda-feira (5). Com esses números, o estado inicia uma nova semana com manutenção de números altos de mortes, pois no domingo (4) foram 28, totalizando 58 óbitos em dois dias. Os dados foram divulgados pela Secretária de Estado da Saúde (Sesapi). 

Dos 1.505 casos confirmados da doença, 843 são mulheres e 662 são homens, com idades que variam de um a 93 anos. Doze homens e dezoito mulheres não resistiram às complicações da Covid-19. Seis vítimas não possuíam doenças preexistentes.

Eles eram de Barras (101 anos), José de Freitas (71, 75 e 86 anos), Parnaíba (68 anos), Pimenteiras (81 anos), Piripiri (87 anos), Simões (73 anos) e Teresina (71, 72 e dois de 78 anos). Já as mulheres eram de Curimatá (79 anos), Esperantina (86 anos), Francisco Macedo (47 e 52 anos), Murici dos Portelas (65 anos), Nazária (85 anos), Picos (87 anos) e Teresina (63, 65, 66, duas de 68, 72, 73, 76, 80, 81 e 85 anos.

Os casos confirmados no estado somam 212.348 distribuídos em todos os municípios piauienses. Os óbitos pelo novo coronavírus chegam a 4.298 e foram registrados em 219 municípios. Ao total 2.456 homens e 1.842 mulheres não resistiram a Covid-19.

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, há 1.248 ocupados, sendo 760 leitos clínicos, 442 UTIs e 46 em leitos de estabilização. As altas acumuladas somam 12.495 até o dia cinco de abril de 2021.

A Sesapi estima que 206.802 pessoas já estão recuperadas ou seguem em acompanhamento médico.

Leitos de UTI no Piauí já é maior do que o do pico da pandemia em 2020

O Piauí alcançou, no último dia 2 de abril, a marca de 461 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para pacientes Covid-19, instalados em toda a rede de saúde do Estado (hospitais públicos e privados). O número já superou o total de leitos de UTI existentes em 5 de agosto de 2020, no pico da primeira onda da pandemia, quando havia 460 unidades instaladas.

O total de leitos clínicos disponibilizados para pacientes com a doença também é o maior desde o início da pandemia. No último dia 2 de abril, havia 1.116 leitos, contra 1.034 no dia 10 de junho de 2020. 

Segundo dados da Secretaria de Saúde do Piauí (Seapi), foram internados 1,1 mil pacientes com Covid-19 em março de 2021, tanto em leitos clínicos, quanto nos de UTI. É o recorde de hospitalizações em um mês, ultrapassando em 27% o recorde anterior, que foi de 863 pessoas internadas, em julho de 2020, pior mês da primeira onda da pandemia. Além disso, o total de hospitalizados em março de 2021 é mais do que o dobro do verificado em fevereiro de 2021 (549 pessoas).

Esse crescimento acelerado colapsou o sistema de saúde do Piauí: o nível de ocupação dos leitos de UTI está em 95% e dos clínicos, 70%. Por isso, segundo dados da Sesapi, nesta segunda-feira (5), existem 129 pacientes com Covid-19 esperando uma vaga em leitos de UTI e 23 uma vaga em leitos clínicos.

Apesar dos esforços do Governo do Estado em aumentar a quantidade de leitos, o crescimento acelerado de novos infectados preocupa a Sesapi. Devido à grave situação da Covid-19 no Piauí, as autoridades sanitárias apelam para que a população evite aglomerações, use sempre máscara e faça a constante higienização das mãos. “Somente com a conscientização de todos é que vamos vencer a Covid-19”, afirma o governador Wellington Dias.

Cidade Verde

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade