ad16
Educação

Piauí se destaca no ensino de Tempo Integral no Brasil

[ad#336×280]O ensino em tempo integral está cada vez mais forte no Piauí. A prova disso é que o número de alunos atendidos na modalidade vem aumentando a cada ano. Com isso, os estudantes vivem uma nova realidade no que diz respeito às atividades desenvolvidas nas escolas. Com a jornada escolar ampliada para 9 horas por dia, são incluídas no currículo mais atividades práticas, que ajudam a fixar melhor os conteúdos trabalhados em sala de aula. Além disso, o esporte e reforço nas disciplinas também ganharam espaço nos centros de ensino de tempo integral.

Desde 2011, o Governo do Piauí, através da Secretaria de Estado da Educação e Cultura (Seduc), vem investindo na construção de novas escolas com estrutura adequada para o funcionamento com carga horária ampliada. Inicialmente, 18 escolas atendiam alunos na modalidade, já em 2012, o número passou para 44, ou seja, mais que o dobro do ano anterior.

Secretário Átila Lira e aluno do Ensino Integral
Secretário Átila Lira e aluno do Ensino Integral

O programa Mais Educação também tem contribuído no aumento do número de escolas com atividades de jornada ampliada. Ao todo, já são mais de 245 escolas que desenvolvem o Programa em todo o Estado. De acordo com o Censo Escolar de 2013, o Piauí atende 9.957 mil estudantes na modalidade ensino integral. Um dos maiores do país.

“Nós temos visto muitas melhorias na educação do Piauí com a expansão das escolas de tempo integral. Os alunos sentem mais prazer de estudar, pois são estimulados diariamente e isso reflete diretamente nos indicadores educacionais. O governador Wilson Martins tem dado todo o apoio para continuarmos ampliando essa modalidade de ensino e atender cada vez mais piauienses. Vamos construir mais 31 novas escolas de tempo integral este ano”, ressalta o secretário de Estado da Educação e Cultura, Átila Lira.

O Piauí segue a tendência da região Nordeste, que lidera no número de alunos matriculados em escolas de tempo integral, somando um total de 1.268.580 estudantes. Em seguida, vem a região Sudeste, Norte, Sul e Centro-Oeste. Em Teresina, a jovem Kássia Maciel, de 13 anos, aluna do Centro de Ensino Fundamental de Tempo Integral Profº Raldir Cavalcantes Bastos, deixou a rede privada pela escola pública de tempo integral. “Senti algumas dificuldades quando cheguei aqui na escola, mas já estou me adaptando”, disse.

Procura por vagas em escolas de tempo integral bate recorde no Piauí

Um reflexo da qualidade do ensino dessas escolas está na grande procura por matrícula. No Centro de Ensino Médio de Tempo Integral João Henrique de Almeida Souza, é feito um teste seletivo no início do ano para poder preencher as vagas de forma justa e democrática. Lá, os jovens desenvolvem uma série de atividades e projetos educativos que envolvem toda a comunidade escolar.

Para o governador Wilson Martins, a educação é o principal pilar de desenvolvimento do Piauí. “Nós não temos poupado esforços para investir na melhoria do ensino das nossas escolas. Um Estado só se transforma se a educação for priorizada e é isso que estamos fazendo. O ensino de tempo integral tem mudado a vida dos estudantes piauienses”, concluiu.

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade