ad16
AutoPECASonline24.pt
Polícia

Polícia Civil deflagra operação Monte Parnaso e cumpre mandados de prisão em Picos

Ronda Cidadão,Força Tática e Policia Civil e Militar participaram da operação

A Polícia Civil do Piauí deflagrou na manhã desta terça-feira, 13, operação Monte Parnaso com o fito de cumprir mandados de prisão e busca e apreensão nas cidades de Picos, Oeiras, Floriano e Teresina. A operação foi coordenada pela Delegacia Regional de Oeiras e Núcleo de Inteligência, sendo fruto de nove meses de investigação. O objetivo da operação é desarticular organização criminosa cuja prática precípua é o de tráfico de drogas.

Participam da operação 60 policiais de diversas unidades, dentre elas Delegacia Regional de Picos, Água Branca, São João, Simplicio Mendes, Campo Maior, Piripiri, Elesbão Veloso e Floriano; Comissão Investigadora do Crime Organizado (CICO), Delegacia Especializada na Repressão e Prevenção a Entorpecentes (DEPRE), Suporte de Operações Especiais (SOE), Gerência de Armas e Munição (GAM) e Núcleo de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública.

A operação Monte Parnaso foi assim denominada posto que de acordo com a mitologia greta, Zeus, na chamada “Idade do Ferro”, provocou um dilúvio na Terra para extinguir todos os seres vivos e renovar a raça humana, a qual considerava consumida pela degeneração. O único ponto na Terra não atingido pelas águas foi o Monte Parnaso. Quando o dilúvio cedeu e as águas baixaram, surgiu numa das cavernas do Monte a gigantesca serpente Piton, terros de todos os povos. Coube ao deus Apolo, utilizando suas flechas, matar o monstro.

Monte Parnaso faz alusão ao trabalho que vem sendo desenvolvido pela equipe de investigação da Delegacia Regional de Oeiras, em proemintente combate ao tráfico de drogas, desencadeado a partir da Operação Morro do Leme em 2009, Moisianite em 2010 e Praga de Justiniano, em 2011.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade