ad16
AutoPECASonline24.pt
https://ead.uninta.edu.br/
DestaquesPatos do PiauíPolíciaTodas as Notícias

Polícia prende três pessoas e apreende motos, armas e dinheiro suspeito em Patos

Três pessoas foram presas e armas, munição, dinheiro e motocicletas foram apreendidas na noite desta sexta-feira, 30, no município de Patos do Piauí, durante a operação da Polícia Militar, que visa garantir a segurança do processo eleitoral. Segundo o capitão Lindomar Félix, comandante da 3ª Companhia de Polícia Militar, as prisões e apreensões aconteceram em ocorrências distintas.

Na localidade Bom Jardim, um grupo com aproximadamente vinte pessoas, que estava numa estrada vicinal, foi abordado. Com eles, a polícia encontrou duas armas de fogo, tipo revólver calibre 38, municiados, que estavam em poder de Edimar Furtunato de Oliveira e Valter João da Costa, que acabaram sendo presos.

Motos apreendidas
Motos apreendidas

Também foram apreendidas armas brancas, tipo faca, e dez motocicletas que eram utilizadas pelo grupo. No local da abordagem, no chão, a polícia encontrou uma quantia em dinheiro no valor de R$ 1.075. Porém, ninguém se manifestou como proprietário do dinheiro.

Dinheiro apreendido
Dinheiro apreendido

Em outra ocorrência registrada numa estrada vicinal, na localidade Pintada, um grupo de pessoas foi abordado pela Polícia Militar. No local, também apreendida uma quantia em dinheiro no valor de 2.480 reais. O dinheiro foi encontrado jogado ao chão, mas ninguém se manifestou como proprietário. Dentre as pessoas abordadas, estava o vereador Luiz Evaristo de Sousa, que é candidato à reeleição. Nesse caso, apenas o dinheiro foi apreendido.

A outra prisão aconteceu na cidade, próximo ao Grupamento da Polícia Militar. Um homem identificado como João Leopoldo de Sousa, que trabalha como vigia, foi encontrado portando um revólver calibre 38, municiado.

Capitão Félix, comandante da PM de Jaicós
Capitão Félix, comandante da PM de Jaicós

Segundo o capitão Félix, o dinheiro, no montante de R$ 3.555, os três revólveres e as facas, e as 15 munições calibre 38, foram encaminhados à Delegacia Regional de Polícia Civil de Jaicós, juntamente com os três homens presos. As dez motos apreendidas foram levadas ao GPM de Patos.

Os três presos foram autuados em flagrante pelo delegado Divanilson Sena, em Jaicós, pelo crime de porte ilegal de arma de fogo, e seguem recolhidos na Delegacia. O delegado afirmou que a Polícia Civil vai apurar a origem do dinheiro se o mesmo seria utilizado na prática de crimes eleitorais, como a compra de votos.

Delegado Divanilson Sena
Delegado Divanilson Sena

O delegado informou que, além da Polícia Militar, a Civil também está com reforço policial na regional de Jaicós para atuar no combate aos crimes eleitorais. “Toda a região está sendo monitorada pelas polícias Civil e Militar para que tenhamos uma eleição tranquila. A nossa orientação para pessoas é que elas procurem respeitar as leis”, disse.

O capitão Félix também enfatizou que o policiamento foi intensificado. Além do efetivo local, Jaicós e as cidades vizinhas recebeu reforço policial vindo da capital. Ele adiantou que, hoje à noite, várias equipes que estarão nas ruas, inclusive, descaracterizadas, realizando rondas e abordagens. “Vamos fazer um trabalho de combate aos crimes eleitorais e outras práticas ilegais”, pontuou.

CidadesnaNet

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade