ad16
DestaquesEconomiaGeralPrincipalTodas as Notícias

Porque Picos entrou no radar de grandes empresas nacionais

O empresário Araujinho que intermediou a vinda do empreendimento, diz que Picos está atraindo atenção de grandes negócios, e portanto é hora do gestor público aproveitar essa momento de protagonismo econômico.

Nos últimos dois anos a cidade de Picos entrou no radar de grandes empresas brasileiras e grupos internacionais. A chegada desses novos empreendimentos tem movimentado a economia local, gerado empregos e causado reflexo positivos em outros setores do comércio. O alto grau de viabilidade econômica e a localização geográfica privilegiada estariam atraindo os grandes grupos do setor varejista.

Mas apesar do grande potencial para atrair investimentos, Picos esbarra na falta de incentivos por parte da gestão pública. O empresário Francisco da Costa Araújo Filho, o Araujinho, um dos maiores incentivadores da chegada de grandes empresas em Picos, destaca que “o poder público precisa incentivar, facilitar e intermediar a chegada de grandes empresas, seja fazendo isenções, abrindo mão de receitas para poder receber mais impostos e consequentemente gerar mais empregos e fortalecer a economia”.

Empresário, Francisco da Costa Araújo Filho, o Araujinho.

O município possui 78 mil habitantes e ocupa o terceiro lugar no PIB do estado, precisamente 3,22% da força econômica estadual, com destaque no setor Serviços que é responsável por 85,33% e a histórica vocação para o comércio.

A inauguração do Assaí Atacadista no último dia 20 de novembro, por exemplo, gerou cerca de 250 empregos diretos e mais 1.000 indiretos. O empresário Araujinho que intermediou a vinda do empreendimento, diz que Picos está atraindo atenção de grandes negócios, e portanto é hora do gestor público aproveitar essa momento de protagonismo econômico.

“Buscamos um canal de comunicação com todos esses grandes grupos, tentando ajudar com orientação, apoio para que grandes negócios venham para Picos e possam gerar mais emprego para a nossa gente”, destaca Araujinho.

A rede de atacarejo (atacado e varejo) Atacadão, do grupo francês Carrefour, iniciou a construção de uma unidade em Picos, no terreno quase em frente ao seu concorrente Assaí Atacadista, nas margens da BR 316, no bairro Belo Norte. A previsão é de contratar cerca de 300 colaboradores para a unidade de Picos. A inauguração deve ser em abril de 2020, daqui a seis meses.

O empresário Araujinho disse que se sente feliz em ver a chegada desses investimentos, mas destaca que Picos pode muito mais. “Picos é um gigante adormecido, temos potencial para muito mais crescimento. Por isso aqui eu deixo uma mensagem aos jovens, que não desanimem, porque vamos estar aqui trabalhando incansavelmente para trazer muito mais oportunidade de trabalho e mudar nossa história”.

Etiquetas
Botão Voltar ao topo
Fechar
Publicidade