ad16
DestaquesGeral

“Possível saída do 3º BEC de Picos ainda está em estudo”, afirma General

[ad#336×280]Principal assunto comentado nos últimos meses, a possibilidade da saída do 3º Batalhão de Engenharia e Construção (BEC), da cidade de Picos para Palmas, capital do Tocantins, vem preocupando parlamentares piauienses e a população picoense em geral.

Em entrevista a imprensa de Picos na manhã desta sexta-feira (17), o comandante do 1° Grupamento de Engenharia, que engloba o 1°, 2° 3° 4° e 7° BECs do Nordeste, general de brigada Carlos Alberto Maciel Teixeira, comentou sobre a possível saída do 3º BEC da cidade.

Segundo o comandante, a possibilidade existe, mas está em estudo ainda. “O Exercito tem várias opções, umas delas é levar o 3º BEC pra lá (Tocantins), uma vez que no estado do Piauí já tem dois batalhões, mas existem outras possibilidades, a própria criação de um novo batalhão lá, e a transformação do Batalhão de Combate em um Batalhão de Construção, portanto não tem nada definido ainda sobre esse assunto”, esclarece.

General Teixeira-Foto: Jaílson Dias
General Teixeira-Foto: Jaílson Dias

O general explica que os critérios que levaram a possibilidade da saída do batalhão de Picos, uma vez que existem dois no Piauí, corresponde pelo fato do 2° BEC, instalado em Teresina, ser tipo 3, ou seja, possui três Companhias de Construção, podendo atuar em três frentes de trabalho ao mesmo tempo, e o 3° BEC só pode atuar em duas frentes.

Ele completa que se “Tiver que sair um batalhão e ficar outro, fica o que tem condições de ser empregado o maior número de obras”, explica o general.

Em relação ao prazo do estudo, o general falou que não há pressa, já que é um procedimento rotineiro do Exército , mas o comandante acredita que até o final do ano deverá concluir este estudo.

Segundo o general Teixeira, caso o 3º BEC venha a sair da cidade, outra unidade militar deverá se instalar em Picos.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.