ad16
DestaquesEconomiaTodas as Notícias

Preço da gasolina sobe pela quinta semana seguida no Brasil, afirma ANP

Segundo o Observatório Social da Petrobras (OSP), os preços dos combustíveis estão nos maiores patamares do século.

Agência Nacional do Petróleo (ANP) anunciou que os preços da gasolina, do diesel e do gás de botijão voltaram a subir na última semana. O valor do litro médio da gasolina passou de R$ 6,562 há duas semanas para R$ 6,710 na última semana. É uma alta de 2,25%. 

Em 2021, o valor da gasolina acumula avanço de 49,6%. Na máxima, segundo a ANP, o litro da gasolina já é vendido a R$ 7,99 – caso do Rio Grande do Sul. É a quinta semana seguida de alta.

No diesel, nas duas últimas semanas o preço do litro médio no Brasil subiu 2,45%, de R$ 5,211 para R$ 5,339. Foi a sexta semana seguida de avanço nos preços. Desde janeiro, acumula alta de 48,05%.

Preço da gasolina sobe pela quinta semana seguida no Brasil, afirma ANP (Foto: Raíssa Morais/ Portal MN)Preço da gasolina sobe pela quinta semana seguida no Brasil, afirma ANP (Foto: Raíssa Morais/ Portal MN)

Após o Rio Grande do Sul,  o litro da gasolina no Rio de Janeiro pode ser encontrado a R$ 7,749. Em seguida, estão Minas Gerais (R$ 7,599), Distrito Federal (R$ 7,499) e Pernambuco (R$ 7,439) com as maiores máximas.

No gás de botijão (GLP), o preço passou de R$ 102,04 para R$102,48, um aumento de 0,43%. É uma alta acumulado desde o início do ano de 37%.

De acordo com o Observatório Social da Petrobras (OSP), instituição ligada à Federação Nacional dos Petroleiros (FNP), Instituto Brasileiro de Estudos Políticos e Sociais ( Ibeps) e Instituto Latino Americano de Estudos Socioeconômicos (Ilaese), os preços dos combustíveis estão nos maiores patamares do século.

No caso da gasolina, o maior valor foi registrado em outubro, quando o litro ficou em R$ 6,34, assim como o diesel (R$ 4,526) e o gás de botijão, com R$ 100,79.

Fonte: O Globo

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade