ad16
DestaquesGeral

Prefeito recua e suspende por 30 dias o valor da passagem de ônibus

Ônibus incendiado durante manifestação em Teresina
Ônibus incendiado durante manifestação em Teresina

O prefeito de Teresina, Elmano Férrer, cedeu às pressões dos estudantes e decidiu suspender por 30 dias (prorrogáveis por mais 30) o decreto que reajustou o valor da passagem de ônibus.

A decisão foi anunciada nesta terça-feira (02), durante coletiva no Palácio da Cidade, sede do Executivo municipal. O documento alega, entre outras coisas, que a tarifa foi reduzida provisoriamente para preservar a “segurança e o bem estar” da população teresinense.

“Tivemos uma reunião até 1h da manhã, com a equipe técnica da prefeitura, com membros do grupo de trabalho e cheguei à conclusão que agora quem quer saber dessa planilha é o prefeito”, explicou o gestor.

Os empresários donos das empresas de ônibus ainda não foram comunicados formalmente da decisão.

Durante o mês em que o Decreto Nº 11.646 permanecerá em vigor, um grupo de trabalho vai concluir a auditoria técnica, operacional, econômica e financeira nas empresas operadoras do sistema de transporte coletivo da capital. Os trabalhos foram iniciados em julho deste ano.

O novo valor da passagem de ônibus será definido após esse processo. “Queremos uma planilha justa para todas as partes envolvidas. Se disser lá que é R$ 1,70, será R$ 1,70”, garante Elmano Férrer.

O recuo da prefeitura de Teresina acontece após cinco dias de intensas manifestações. Teresina entrou em convulsão segunda-feira (29), quando milhares de estudantes foram para as ruas pedir a revogação do reajuste. Os protestos cresciam a cada dia, aumentando a pressão sobre o gestor.

Elmano Férrer não considera que demorou a tomar uma atitude. Alega que iniciou as negociações com o movimento na quarta-feira (31), culminando com a decisão anunciada hoje.

Perguntado se esse foi o período mais difícil da sua curta gestão frente à prefeitura, Elmano respondeu lembrando que a cidade tem comandando. “Nós estamos preparados, eu não vou brincar de ser prefeito. Teresina tem um prefeito, tanto é que o prefeito tem que ter a humildade de avançar, ouvir o povo.”

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade