ad16
Política

PTB e PMDB selam aliança em Picos

Deputado Kléber Eulálio, pre candidato do PMDB
Deputado Kléber Eulálio(PMDB e Zé Neri, ex-prefeito de Picos - Foto: Divulgação

Pela terceira vez, desde que elegeu como governador, em 2002, o senador Wellington Dias, os partidos que formam o “blocão” de sustentação do Governo do Estado irão se enfrentar nas eleições municipais. O PMDB, PT, PSB, PTB, PP, PDT e PCdoB já articulam suas alianças no interior do Estado nas disputas pelas prefeituras. Em vários municípios, principalmente os de maior densidade eleitoral, os aliados governistas serão adversários.

O foco principal da disputa é o Palácio da Cidade, em Teresina, mas as alianças em cidades como Parnaíba, Picos, Floriano, Piripiri, Campo Maior e Oeiras já estão sendo costuradas. As cidades possuem forte influência política e administrativa e respondem, juntas, por 12% do eleitorado do Estado. De acordo com o calendário eleitoral do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), até o dia 30 de junho todos os partidos devem estar com as alianças e nomes de candidatos definidos. As convenções para a formação das chapas estão liberadas para acontecer a partir do dia 10 de junho.

O primeiro a dar o pontapé na formação das alianças e definição de estratégias foi o PMDB, que pretende ter candidatura própria em cidades como Parnaíba, Picos e Teresina. Em Parnaíba, o PMDB e o PSB se articulam para fazer oposição ao um aliado governista que está à frente da Prefeitura, o PTB. De acordo com o vice-presidente do diretório estadual petebista, deputado Hélio Isaías, em Parnaíba o partido pretende se coligar com o PT, que também é do “blocão”. O atual prefeito de Parnaíba é o petebista, José Hamilton, que não pode concorrer à reeleição.

A aliança PTB/PT deve ter como adversário um candidato do PMDB, apoiado pelo vice-governador Moraes Souza Filho. E entre os nomes para a disputa está o da própria esposa do vice-governador, a deputada estadual Juliana Moraes Souza e o presidente do PSB de Parnaíba, Mirocles Veras.

Outro partido governista que também já se posicionou na disputa pelas prefeituras das grandes cidades do Piauí é o PP. De acordo com Júlio Arcoverde, em Parnaíba, o PP do senador Ciro Nogueira também já fechou apoio ao PTB, do senador João Vicente Claudino. Em Luís Correia os progressistas terão candidatura, com o nome de Adriane Pedrosa, e em Floriano apoiarão o candidato indicado pelo atual prefeito Joel Ro-drigues, que é do PTB.

Adversários em Parnaíba, mas aliados em Picos, o PTB e o PMDB selaram acordo para composição de um bloco de oposição no maior município da região semiárido piauiense. Hoje, apesar de ter como prefeito Gil Paraibano, que é filiado ao PMDB, o partido está dando apoio à candidatura do deputado estadual Kleber Eulálio. O PMDB de Picos marchará dividido na eleição. Segundo Hélio Isaías, em Picos, a aliança PTB/PMDB já está certa, com a indicação do vice na chapa, que deve ser encabeçada por Kleber Eulálio, sendo feita pelo deputado Nerinho.

“Lá em Picos o deputado estadual Nerinho vai indicar um nome para ser vice de Kleber, a aliança no município já foi confirmada com o grupo de Zé Néri indicando o nome do vice”, afirmou Hélio Isaias. PTB e o PMDB irão enfrentar o PSB do governador Wilson Martins, que tem como candidata do prefeito Gil Paraibano a deputada estadual Belê Medeiros (PSB), sobrinha de Gil.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade