ad16
DestaquesGeral

Reforma e revitalização da Praça Justino Luz atinge 60% das obras prontas

[ad#336×280]Iniciada no último dia 10 de janeiro, a reforma e revitalização da Praça Justino Luz, localizada em frente à Catedral Nossa Senhora dos Remédios, já tem 60% das obras prontas.

A empresa responsável pela reforma e revitalização da Praça, a Picos Construtora, informou que os trabalhos estão bem adiantados. No primeiro momento, foi colocado a parte da alvenaria nova, demolidos os tijolos e rebocos antigos e a parte do piso já está sendo finalizada.

Para concluir a obra, serão colocados os postes e bancos modernos, faltando apenas os detalhes de estética e de acabamento.

Em parceria com a execução do projeto, a Secretaria de Meio Ambiente, vem fiscalizando diariamente a obra. De acordo com o secretário da pasta, Gláuber Silva, nos meados do mês de março a Praça será entregue a população picoense.

Piso também está sendo reformado-Foto: Jésika Mayara
Piso também está sendo reformado-Foto: Jésika Mayara

Glauber informou ainda que a reforma contempla também o calçadão e as escadarias da Igreja Matriz, que irão receber um piso novo e moderno. “Essa reforma vai embelezar nossa cidade e inclusive atrair turistas para a catedral”, conta o secretário.

Praça está com 60% das obras concluídas-Foto: Jésika Mayara
Praça está com 60% das obras concluídas-Foto: Jésika Mayara

Presépio

O secretário também garantiu a transposição do presépio, localizado na Praça Félix Pacheco, para o espaço da Praça Justino Luz. Segundo ele, a secretaria irá reforma-ló, uma vez que algumas peças estão danificadas e depois transferi-lo para Justino Luz. “O presépio tem que estar em frente à Catedral, porque em épocas comemorativas de semana santa; os festejos e o natal receberá uma ornamentação e ficará uma coisa bem mais bonita do que na Praça Felix Pacheco”, disse Glauber.

Principal Mudança

A principal mudança a ser realizada na Praça Justino Luz será o sistema de arborização que contempla árvores exóticas com o intuito de mudar a estética do ambiente, tendo em vista que as árvores que se encontram hoje necessitam ser substituídas.

Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Também

Publicidade