ad16
Esporte

SEP resgata técnico e aposta em trio de goleadores para ser campeão

Uma das principais forças do interior, a SEP promete não ser um mero figurante na história do Campeonato Piauiense 2013. O último título aconteceu em 1998. Para se tornar o protagonista neste ano, o Zangão se preparou e resgatou o treinador Cícero Monteiro para liderar o grupo. Responsável pela montagem do elenco, o técnico escolheu jogadores de confiança, como o atacante Bibi, que veio do futebol sergipano. O grupo ainda mescla atletas naturais do Município Modelo que disputaram o último Estadual pelo time.

Cícero Monteiro
Cícero Monteiro

Comandante

Cícero Monteiro faz sua terceira passagem pelo futebol piauiense, a segunda na SEP. Além do Zangão, o treinador liderou o Comercial-PI em 2008. A última vez em que comandou o time do Município Modelo foi em 2009, ano em que o time terminou o Estadual na terceira colocação. O melhor momento da carreira, contudo, aconteceu no Salgueiro. Mas o que esperar de Cícero Monteio na versão 2013? Sem dúvida, título.

Cícero faz parte do time de técnicos dos clubes piauienses que nunca ganhou um título estadual. Com cabeça tranquila e determinação, tem uma qualidade destacável: o diálogo com os jogadores. Com essa característica, ele comanda o grupo da SEP para a conquista de 2013.

Paredão

Para garantir a vaga de titular no gol, um requisito é fundamental para ocupar a posição: confiança. A parceria entre Cícero e Mondragon é marcada por isso. Os dois já trabalharam no Ypiranga, em Pernambuco. Aos 31 anos de idade, Mondragon é reconhecido pelo empenho e experiência.

Craque

Conhecido pela força, o craque da SEP vem do meio campo. O volante Rodolfo tem sido elogiado pela qualidade técnica e atraído os olhares com estilo diferenciado. Não é a toa que dentro do elenco do Zangão, o jogador é cotado para ser o capitão do grupo e uma das referências dentro de campo. Rodolfo faz parte do trio de jogadores que já foram comandados pelo treinador Cícero Monteiro.

Matador

Forte presença de área e sem medo para desperdiçar as oportunidades de gol, características essenciais de um atacante. E para ter um jogador com essas funções, a SEP foi buscar no futebol sergipano o responsável pelo ataque do Zangão: Raphael Freitas, campeão pelo Itabaiana, em 2012. Aos 29 anos, o jogador já é conhecido pela torcida picoense, onde deixou sua marca em 2010: oito gols em nove partidas.

Um dos cotados para brigar pela artilharia do Campeonato Piauiense, Raphael Freitas é nome certo no time montado por Cícero Monteiro. Rápido, o atacante também gosta do mano a mano. Na pré-temporada, durante os amistosos, o jogador fez quatro gols em dois jogos. Correndo por fora, Nilson Sergipano completa o ataque do Zangão que conta ainda com o pernambucano Bibi.

Joia

Quem brilha na SEP e ganhou status de joia foi o lateral direito Lanlan. Habilidoso, o jogador tem 22 anos e chamou atenção do elenco, principalmente, pelas assistências durante os treinos. O nome de Lanlan ganhou ainda mais força após a saída do titular da posição, que pertencia a Barata. O lateral acabou deixando Picos e optou pela transferência com destino ao Parnahyba. A vaga, então, caiu no colo de Lanlan, que acabou não desperdiçando a oportunidade.

Opção da casa, o lateral direito impressiona pela condição física e agradou o restante do grupo. Dos pés de Lanlan saíram os melhores passes das jogadas da SEP, talento que merece atenção. Apesar dos elogios, a joia tem o temperamento explosivo. No ano passado, Lanlan foi afastado da SEP no Estadual por indisciplina. O River-PI chegou a contratá-lo no segundo semestre, mas ele acabou não jogando na Copa Piauí. Com informações do GloboEsporte – Piauí

Tags
LER MATÉRIA COMPLETA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Também