ad16
AutoPECASonline24.pt
https://ead.uninta.edu.br/
GeralTodas as Notícias

Servidores têm até 27 de novembro para fazer recadastramento

Os servidores públicos estaduais têm até o dia 27 de novembro para realizar o Censo Cadastral Previdenciário. O Recadastramento, que é obrigatório e presencial, é realizado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria da Administração e Previdência Social (Seadprev). O Governo convocou 83.321 servidores para se recadastrarem. Destes, apenas cerca de 43 mil já atualizaram os dados, o que corresponde a mais de 50% do total dos ativos, aposentados, pensionistas, comissionados e serviços temporários.

A Seadprev dispõe de um caminhão digital que cumpre rotas em vários municípios piauienses, de segunda a sexta-feira, das 8 às 17h, para atualizar os dados cadastrais de funcionais dos comissionados exclusivos, prestadores de serviço e contratos temporários. Os servidores efetivos e inativos, além dos pensionistas que moram no interior, são atendidos nas Gerências Regionais conforme o mês de aniversário de cada um.

Secretário Franzé
Secretário Franzé

Segundo Franzé Silva, secretário da Administração e Previdência, o Governo vem tomando todas as medidas necessárias para atender aos servidores da capital e do interior nos dois turnos. O secretário informou que existe também um agendamento especial visando atender aos servidores com dificuldades de locomoção (doentes acamados, idosos ou com necessidades especiais), dependentes químicos internados em Centros de Recuperação e servidores reclusos (presos). “A marcação deve ser realizada por meio do número 0800 280 3655, de segunda à sexta-feira, das 8 às 17h. É necessário levar o laudo ou atestado médico junto às Unidades de Atendimento”, explicou Franzé.

A Fase II do recadastramento é presencial e o servidor deve fazer a fotografia digital, coleta da biometria e a confirmação das informações. O servidor deverá levar um documento de identificação, CPF, comprovante de residência atualizado, certidão de nascimento dos dependentes, últimos contracheques, título de eleitor, Pasep/PIS ou NIT, certidão de nascimento ou declaração judicial de união estável, termo de posse/contrato de trabalho/portaria de admissão e certificado de conclusão de cursos (servidores ativos), portaria de aposentadoria (para os aposentados) e certidão de óbito do instituidor da pensão (para pensionistas).

O servidor que não atualizar os dados e fizer a captura biométrica dentro do cronograma divulgado pela Secretaria da Administração e Previdência (SeadPrev) poderá ter o salário bloqueado no mês subsequente.  “Essa é uma decisão que vem sendo anunciada desde o início do ano. O servidor que ainda não se recadastrou deve agendar o atendimento, a fim de evitar a suspensão do contracheque”, esclarece Franzé, reiterando que a Seadprev está convocando todos os servidores estaduais a se recadastrarem.

O gestor declarou ainda que o bloqueio dos salários e a abertura do processo administrativo dos servidores que não compareceram à nenhuma das duas fases serão efetivados apenas após a conclusão do Censo Previdenciário/Recadastramento Fase II.

Governo do Piauí

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade